Reviews for O DESTINO DE MUITOS
queenrj chapter 116 . 1/22
Oi Sadie!
Demorei, mas apareci. Essa coisa de ser paciente é uma via de mão dupla. Espero que você seja paciente com seus leitores também. Eu continuo amando suas histórias e eu leio essa e Vida e Espíritos pelo menos uma vez a cada ano, mas os últimos dois anos foram terríveis pra mim. Nem sei como cheguei até aqui e não posso dizer que está tudo bem ainda, mas estou seguindo, um dia de cada vez e estou um pouco melhor a cada dia.
Enfim vamos falar da história. Elohir e Ilida, essa dinâmica entre os dois é tão tensa. Ela está obcecada por ele e às vezes, só às vezes, acho que ele sente alguma coisa por ela além de desprezo e raiva.
Legolas ainda carrega tanta culpa, tanta dor. Quando esse bichinho vai parar de sofrer? E a relação com o pai também parece não melhorar. Thranduill é difícil demais. Ele ama com intensidade, mas demonstra isso das formas mais bizarras e Legolas está sempre perdido nos sinais. É triste que ele ame tanto o pai, mas não consiga se sentir à vontade com ele. Sempre esperando uma bronca, censura, nenhuma forma clara de afeto... A minha parte mais sádica gosta dessa dinâmica entre os dois, mas outra parte anseia por momentos mais doces entre pai e filho.
Fico no aguardo da continuação. Enquanto isso, vou ler Vida e Espíritos pela milésima vez.
Beijos!
themightyhoneybadger chapter 114 . 7/19/2021
Sadie, passo aqui apenas para lhe desejar o melhor e esperar que você e sua família estejam saudáveis e bem. Saudades, mellon. Um grande abraço!
Rafaela gomes chapter 116 . 7/16/2020
Olá!

O Thranduil sempre é um personagem que quando aparece eu até me estico na cadeira em atenção. Ele tá sempre remexendo a história, hahaha.

Continuo atormentada de ver o Ro com essa mulher dos infernos. É como comentei antes; Ao mesmo tempo que eu a odeio, também sinto que ela é uma das personagens mais solitárias e desesperançosas da história toda. Dá vontade de saber a história completa por trás dela, de entender as motivações que ela teve pra fazer o que fez até agora.

A interação do Las com o pai tem um gosto agridoce, bem como você descreveu. Eu sinto que o Las nunca vai entender a extensão do amor, carinho e adoração que o Thranduil tem por ele, chega a ser um pouquinho doloroso. A forma como você escreve o Las passa mesmo a sensação de estar se afogando em um rio de escuridão. É uma ótima metáfora pra depressão, né?

Capítulo maravilhoso, como sempre. Muito obrigada por não ter desistido de mim e ter me avisado no FB sobre a postagem. Eu não sei porque, mas não estou recebendo e-mail quando minhas histórias favoritadas são atualizadas, preciso checar o que está acontecendo.

Muita paz pra nós e que essa COVID-19 vá embora o mais rápido possível, hahaha.
mila chapter 1 . 7/9/2020
tu vai voltar a postar capitulos?
themightyhoneybadger chapter 116 . 5/15/2020
Querida Sadie,

Para você, minha paciência é infinita. Que alegria abrir esta página (estou sempre aqui em busca de updates ou para ler alguma outra obra sua novamente) e vê-la atualizada. Obrigada, mellon, por essa água fresca em dias tão secos.

Sobre o texto, será que nosso esquilinho vai tentar mais de umas suas fugas? Ai ai ai... E aguardo o desenrolar do Ro (meu favorito) e nosso amado Mithrandir.

Em tempo, deixo aqui minhas preces e agradecimentos para sua filha que trabalha na linha de frente nesses tempos. Que o bom Pai, ou qualquer força em que creiam, a dê forças, sabedoria e proteção.

Um force abraço,
Ju
Nimrodel Lorellin chapter 116 . 4/29/2020
Oi Borboleta! Desculpa a demora em enviar o review, depois de haver dito que havia escrever logo. Acho que me perdi um pouco pelo caminho...mas sempre estou de volta, quando se trata de Destino.
Vou começar dizendo que só a menção da Anglachel me da arrepios! E me arrepia saber que ela acabou criando um elo com o elfinho e ele esta prestes a tomá-la para si. Meu Deus, essa espada sempre é cruel para aqueles que a empunham e ela deixou marcas tão profundas nele. Temo muito por ele.
E como detesto que Ilida coloque as mãos em Elrohir e que ele tenha que se rebaixar em dissimulações e mentiras para se colocar ao nível dela.
Ilida é o epitome dos predadores sexuais...a gente vê esse comportamento geralmente em homens e é chocante vê-la tratar Elrohir como se a opinião dele estivesse sendo considerada. Como se ações dela fossem amorosas e não repulsivas e violentas em sua essência. Afff...
A impulsividade de Elrohir sempre o coloca nessas situações limítrofes. Ele sempre acha que seu sacrifício é valido, se a recompensa final for a segurança dos seus. O elfinho ignora toda a bagunça de sentimentos e dor que deixa par trás, pois os fins justificam os meios. E um pensamento bonito e edificador, mas em sua essência basicamente egoísta. Ele rouba daqueles que se importam, a capacidade de estar ao lado dele e obterem juntos um fechamento. Egoísta... mas o perdoo por ser adorável, o que posso dizer? :)
Fiquei só imaginando ele todo de preto e foi quase impossível não objetificá-lo, háhá!
E a situação sempre parece desfavorável para nosso heróis. Esse vulcão temível. Não queria estar na pele do rei e de todos as decisões que precisa tomar para manter seu povo seguro. Mas Thranduil é isso mesmo, não é? Um grande estrategista que guiou seu reino por períodos bastante terríveis.
Amei imensamente a atualização, embora tenha sentido falta de certas figurinhas. Glorfindel e meu amado Estel, fizeram meu coração suspirar de saudades.
Por fim, agradeço a atualização. Veio num momento muito necessário de medos e incertezas e acalentou meu coração.
Hannon lee, irmãzinha!
Lourd chapter 116 . 4/26/2020
Oiee!

finalmente li o resto do capítulo! O que dizer? Legolas sempre em uma sinuca de bico! ma você já deve estar cansada de ouvir isso...
Thranduil sempre tão duro... não sei... talvez seja necessário... talvez não... ainda bem que companheira dele é um contraponto... mas também... além de pai ele é líder e isso pesa muito...
parabéns, mellon...

continuemos nossa caminhada!

bjs.
Rafaela gomes chapter 115 . 4/19/2020
Estou loooouca pra ver a reação do Legolas com todo esse desenrolar. Não consigo nem imaginar onde ele está em termos psicológicos depois de todo esse trauma. Creio que o próximo capítulo vai ser extremamente angustiante, coisa que eu quase nem gosto, né, hahahaha.
Chorei de soluçar, é claro. Assim que a Elvéwen começou a chorar eu comecei junto, parei só quando ela parou, kkkk. Amei, mellon, você descreveu perfeitamente os sentimentos de todos eles e a dualidade entre a urgência que os dois sentiam de salvar o pai/marido e o medo de colocar em risco o Dan. Eu adorei como os personagens se tornaram mais tridimensionais, com alguns sentimentos egoístas; Creio que qualquer um na situação deles passaria pelos mesmos dilemas. É impossível não se imaginar desejando um milagre.
O milagre do Dan. Ainda não sei o que pensar, to chocada. Esperando muito pelas próximas revelações sobre o que aconteceu.
Ro cada vez mais enrolado. Estou com medo por esse elfinho, já imaginando mil e uma coisas. Detesto a Ilida cada vez mais, acho que todos nós, hahaha. Eu adoro personagens femininas bem resolvidas e poderosas, mas cada vez mais eu percebo que de bem resolvida ela não tem muita coisa. Parece que ela tá confiando cada vez mais no Ro, mesmo sabendo que não deveria, creio que ela vai ser uma peça chave pra descoberta dos próximos passos que os guerrilheiros têm que dar nessa guerra.
Amando, como sempre, essa história maravilhosa. Estou lendo aos poucos agora porque a vida anda agitada, mas estarei aqui até o final.
Rafaela gomes chapter 114 . 4/19/2020
Olá, mellon, preciso ser sincera e dizer que assim que finalizei esse capítulo já corri para ler o próximo sem deixar um comentário. Então já estou mais tranquila agora do que estaria caso contrário, hahahah.
Creio que tive uma leve arritmia no final do capítulo. Seu Thranduil é, depois do Legolas, meu personagem favorito das tuas sagas. Sinceramente acho que eu estava tão em choque quanto o Legolas, hehe.
Muito bem, voltando agora ao começo do capítulo, creio que o Elrohir é um dos melhores atores do século e a Ilida é mais ingênua do que gosta de pensar que é, kkk. Me dói muito o Ro tendo que fazer as vontades dela. Ainda não consegui captar muito bem as intenções dele, mas tenho certeza de que seguras não são, kkkk. Esses elfinhos ainda vão deixar a gente de cabelo branco.
Morwen Eledwhen chapter 116 . 4/15/2020
Olá, Sadie !
Sempre acho que vou perder o fio da meada de sua história, por conta do tempo -esse ano acho que fazem 8 anos que comecei a lê-la - entretanto, cada vez que ela é atualizada, os detalhes voltam todos à minha mente... Acho que sua escrita tem esse poder.
O capítulo foi maravilhoso, como sempre. Me emocionei com a reflexão de Ro sobre os espelhos, e suas interações entre Legolas e Thranduil sempre são grandiosas.
E a ameaça de nosso rei sair dos prumos ? Meu Deus, as vezes acho que sei bem do que ele seria capaz, mas as vezes acho que ele ainda pode nos surpreender.
Elogio também o poema de Carlos Drummond de Andrade: “cantaremos o medo, que esteriliza os abraços”... Encaixou como uma luva no contexto atual!
Enfim, o capítulo só teve um único defeito: ele acabou ! Ah, Sadie, sempre vai deixar esse gostinho que “quero mais” na minha boca, não importa quantos anos passem !
Rafaela gomes chapter 113 . 4/12/2020
A Ilida continua sendo uma das personagens mais odiosas que eu conheço, mas vendo do ponto de vista dela não dá pra deixar de sentir um pouco de pena. Acho que ela só não sabe amar, ela só sabe possuir.
Amooo a Elvéwen. Ela é preciosa.
Sobre o vulcão; Dá um pouco de medo, o que que isso significaaa? Adorei ver que o Las não tem mais tanto medo do Thranduil. Esses dois me dão uma angústia, eles se amam tanto que chega a ser doloroso.
Capítulo maravilhoso.
ReHit chapter 116 . 4/12/2020
Meus Deus! Isso é muito melhor do que chocolate \o/
-Para começar, eu continuo querendo sempre esfregar a cara da Ilida no asfalto quente toda vez que ela simplesmente olha para o Ro. Mas eu realmente estou ficando muito intrigada com essa nova “postura” dela de se “rebelar” contra o Kenta e os demais, e o jeito como ela analisa e parece conseguir ler o Ro... Tenho medo que ela esteja agindo como uma espiã ou algo assim para Kenta e os demais, enredando nosso elfo rebelde. Afinal, ela já mostrou conhecimento sobre os “seres de luz” mencionados por aquele médico traidor e ingrato.
E agora ele estar na platéia só me fez ficar ainda mais inquieta. Claro que a Ilida pode estar realmente tentando provar que é mais do que um troféu com recursos, mas e se ter o Kenta na platéia for parte de uma emboscada? Quando eu li isso na minha cabeça eu só ouvia “Tira o Ro daí! Tira o Ro daí!”. Não me importa se for pela porta dos fundos, com a ajuda de alguém, ou do modo mais cruel da visão do Las... Mas eu não vou agüentar ver o Ro nas mãos daqueles desgraçados. Ainda estou sofrendo com o Dan.
-E quanto a parte do Thranduil... Eu nem sei o que comentar. Primeiro pelas semelhanças assustadoras com a nossa situação atual, mas também por todas as conjecturas (provavelmente mais do que certeiras) do antigo rei. A possibilidade dos magos poderem “ver” o lado deles (por favor, que não seja através do Las... Não deixe o Las fugir ou se afastar por achar que precisa. Tem muita gente sumindo ou se colocando em armadilhas ou desacordado, e meu coração não suporta tanta preocupação espalhada por aí kkkk), a possibilidade de um traidor (o Kenta já foi baque o suficiente. Quero matá-lo cada vez que vejo o nome dele), e o que mais me assombra: a nova visão da “profecia” de que talvez aquele território deva ser destruído para então renascer... E o que aquele território tem de tão importante afinal, para talvez ser a razão de todo esse jogo de xadrez? E onde todos eles se encaixam, especialmente Thranduil e nossos quatro “jovens” que parecem ser peças essenciais e decisivas?
-Por último, eu imploro... Onde está Glorfindel e Estel? Não apenas para saber que estão bem (obrigada, aos dois, por sumirem em algum lugar inalcançável depois de tanto tempo já sem vê-los *preocupada*), mas também porque estou morrendo de saudades dos dois...
**Como eu AMO esses rompantes que envolvem Thranduil e Glorfindel. Apesar da gravidade que geralmente envolve a situação, acaba sendo sempre um alívio inesperado.

Apesar das preocupações que a situação de todos os personagens despertam, é sempre reconfortante retornar a Destinos e rever personagens tão queridos. Não importa o tempo que demore, mas tem sempre uma torcida constante minha para novos capítulos.
Quanto à sua filha, apesar de não conhecê-la, quero que ela saiba que tem toda a minha admiração e respeito, assim como todos os profissionais que estão se doando e dedicando de corpo e coração; e que eu tenho certeza que anjos que se apresentam sem suas asas visíveis para batalhas como essa, com certeza tem uma legião por trás provendo proteção e amparo.
Rafaela gomes chapter 112 . 4/12/2020
Depois de muuuuito tempo, voltei 33
Por favor, me desculpe caso meus comentários sejam um pouco menos complexos, estou enferrujada, hahahah.
Estava morrendo de saudades de ler essa história. Li meu último comentário e reafirmo o que disse a mais de seis anos, nunca vou deixar de acompanhar, apesar do meu sumiço gigantesco. Muito obrigada pelo aviso da postagem, mellon.

Sobre o capítulo, o Ro, como sempre, mais feroz do que gatinho de rua. Dá uma vontade gigante de abraçar esse menino e de guardar ele seguro em uma caixinha. Infelizmente, cada um deles, tem um caminho a seguir, por mais doloroso que seja. O Dan, mesmo adormecido, tem uma presença brilhante, mal posso esperar pelo reencontro dos dois.
Espero que nosso mestre amado, Elrond, fique melhor logo, vou ser sincera que não me lembro claramente de todos os acontecimentos dos capítulos anteriores - creio ser necessária uma releitura urgente hahaha - mas dá pra perceber que ele não está bem.
Sobre o Las, que saudade eu senti desse personagem. Faz muito tempo que não participo desse fandom, mas sempre tive um carinho especial por ele. Espero que o Thranduil não seja muito severo no próximo capítulo, percebo que vem bronca por ai.
Logo mais volto pra comentar o capítulo anterior e o próximo, estava tão ansiosa que nem consegui parar de ler pra comentar.
Kiannah chapter 116 . 4/11/2020
Dessa vez nem perdi muito tempo e cá vim ler o capítulo novo! E sempre há aquela sensação de retorno ao lar, pq ler material seu é retornar ao lar de Sda 3 (Ainda que de vez em qdo eu tenha outras impressões... até mesmo terríveis como compartilhei com vc sobre o capítulo anterior hahaha me perdoe 3).
Mas minha sensação nesse capítulo é tal qual a sensação de em um sonho: O ar se torna cada vez mais denso e absurdamente tudo é ao mesmo tempo um pouco etéreo. E estou às margens do lago de Moria. Há alguém ali incomodando a água, e tudo vibra cada vez mais forte. Observo, muito calada sem querer causar qualquer vibração, e sinto mais e mais as ondulações na água se agitarem e crescerem, cada vez mais fortes, e certamente elas não são do Observador! Observo pq é certo de que as próximas cenas serão cada vez mais intensas! Sigo ansiosa para o que está por vir! (Gente, e como me identifico com esse momento, tão ATUAL, de observar, aguardar, com o próprio Destino de muitos! Com direito a um vulcão real em plena atividade! Que tempos... e em tempo, fique bem querida amiga! E luz e benção para sua guerreirinha!)

Ps. Continuo querendo arrancar os olhos da Ilida rsrs... mas é inegável o crescimento dela. Nesse capítulo ela subiu um degrau a mais, dando um vislumbre muito sutil que há algo a mais, complexo, nela.
Ps2. Elrohir segue muito John Wick (até a camisa preta? Sadie Sil... Sinta meu olhar de "Vc fez isso mesmo?!" hahahahaha)
Ps3. Ainda tenho uma pulga gigante e escandalosamente curiosa sobre o Adam. Quem é ele para ter em mãos a espada mais maldita do universo...
Myriara chapter 116 . 4/10/2020
Olho e me espanto que lá se vão mais de 15 anos ... É uma geração, e muitos não tem mais os referenciais dos mais velhos sobre família, lealdade, caráter, fé, espiritualidade ... muitos até chegam a se sentir entediados, quando não angustiados, com tempos sombrios, e momentos em que a única coisa da qual podemos dispor a vontade é o tempo, momentos em que o destino de muitos parece incerto, e a sombra parece avançar sobre a terra, como disposta a encobri-la ... Mas é em momentos assim que a luz das estrelas pode brilhar mais nítida do que nunca para nós, relevando que coragem, bondade, caráter, fé e esperança sempre estiveram aqui, em nossos corações.
É o que O Destino de Muitos nos revela a cada um de seus capítulos, um universo de ideais e arquétipos com os quais empatizamos porque de alguma forma nos reconhecemos neles, se não como somos, ao menos como gostaríamos de ser...como um espelho que reflete a imagem de alguém que admiramos, respeitamos e amamos.
2,785 | Page 1 2 3 4 11 .. Last Next »