Disclaimer: Gente, me contaram que a J.K. apanhava do marido português, é verdade? Seja o que for, como ela possui essa porra toda, agora ela pode contratar um pistoleiro pra mandar ele pro inferno! É isso ai, tudo dela, só a Liz que é minha.

N/A1:  Nessa primeira parte, são os pensamentos de Draco, por tanto não se confundam por estarem em 1a pessoa.

Capítulo 1 – Cuidado : Ela esta na TPM !

È engraçado como algumas escolhas podem mudar a sua vida. E muito. Em um dia a sua única e exclusiva preocupação é em como conseguir captar mais e mais galeões, no outro, você só quer saber de desviar de um objeto voar identificado(nesse caso, um livro, enorme por sinal) arremessado na sua direção.

Provavelmente eu não deveria estar no meu juízo perfeito quando propus a ela morar comigo. Talvez tenha sido o calor do momento, por que ela realmente tem algum poder sobre mim, que me faz fazer coisas sem pensar, ser espontâneo. Ou quem sabe, eu não quisesse me separar dela nunca.

É exatamente nisso que da fazer as coisas sem pensar.

Voltando ao assunto do livro voador. Uma coisa que toda mãe deveria ensinar aos seus filhos (ou pelo menos os heterossexuais) :

1 – Nunca irrite uma mulher na TPM.

2- Quando ela falar " Sai da minha frente agora!", acredite, é melhor sair antes que ela alcance qualquer objeto.

3- E a mais importante de todas: em hipótese alguma, a diga a ela que ela esta na TPM

Essas são as casualidades de se morar com uma Weasley. Eu acho que ela deveria vir com uma plaquinha do ministério da Saúde:

"Conviver diariamente com Virginia Weasley causa dependência e te deixa ainda mais apaixonado."

                                                    ****************************

5:00 AM

Passando a mão no espaço vazio ao seu lado direito, na cama, Gina abriu os olhos lentamente " Ele não esta na cama, pra variar". Começou a se esticar na cama, espreguiçando-se como um felino, e sentiu um bolo de pelos aos seus pés se mexer. Então sentou-se na cama e pegou a gata:

- Onde será que esta o nosso Floquinho, heim Liz? -  A gatinha soltou um miado alto e pulou do colo da dona, indo em direção da porta.

Ela saiu do quarto, seguindo a gata, indo em direção ao escritório dele. Liz já estava lá, arranhando a porta.

- Eu sei que ele esta ai Liz, calma. – disse abrindo a porta.

E lá estava ele, com a testa apoiada em uma das mãos, evitando assim que algum fios loiros caíssem sob a vista. Gina inclinou a cabeça um pouco para o lado, para tentar ver se ele estava com os olhos abertos " por esse ângulo ele parece tão inofensivo, quase angelical..." e inclinou a cabeça para o lado oposto " Uau, por esse ele parece incrivelmente sexy..."

- Draco, você esta acordado?

 Ele levantou a cabeça lentamente, ajeitando os óculos no nariz.

- Sabe Virginia, eu ainda não desenvolvi a técnica de dormir com os olhos abertos...

- Nossa Draco , deixa de grosso, eu só queria saber se você não estava dormindo sentado!

- Eu não fui grosso, só dei uma resposta direta para uma pergunta idiota.

- Você me chamou de idiota?  Seu cretino – Gina berrou ao sair e batendo a porta do escritório.

Draco, tirou os óculos, os jogando na mesa e massageando os olhos.

- "timo, lá vamos nós de novo, ás 5 da manhã...

Ele levantou e foi caminhando devagar ate o quarto, encontrando porta trancada. Forçou a maçaneta algumas vezes, antes de bater de leve na porta:

- Abre a porta Gina !!

- Não – uma voz abafada respondeu

- Vamos Pequena, você não quer que eu entre a força no meu próprio quarto não é?

- Me deixa sozinha Malfoy !

- "Alorromora" – sussurrou Draco, antes de entrar no quarto.

Gina estava sentada no meio da cama, com os braços cruzados, uma cara muito zangada e as orelhas extremamente vermelhas, o que indicava que ela estava muito nervosa.

- Eu falei pra você me deixar em paz!

- Escuta Pequena, eu não quis dizer que você era idiota. E que você sempre me interpreta mal quando esta na TPM.

- Ah! Vocês homens, agora se acham no direito de irritar uma mulher e por a culpa na TPM ! Eu não estou na TPM ! – Gina agora berrava e bufava – Sai da minha frente Draco !

- Não.  – Draco parou em frente a porta, cruzando os braços, desafiadoramente

- Sai da minha frente antes que eu perca a minha paciência!

Ele apenas rolou os olhos, parecendo cada vez mais indiferente á irritação dela. Ela por sua vez, estendeu a mão á mesinha ao lado, pegando um dos livros enormes que Draco costumava ler na cama.

- Eu vou tacar isso em voc

- Duvido – Começou a falar pausadamente, mas foi interrompido pelo livro o atingindo na testa. Depois que o livro o acertou, Draco passou a mão no lugar, antes de sentir uma tontura forte e cambalear, caindo sentado no chão.

- Ai meu Deus ! – Ela tapou a boca com as mãos, correndo logo em seguida para Draco no chão. – Me desculpa meu amor ! Não era pra acertar você ! Era só para passar perto da sua cabeça, te assustar !!

Gina sentou no chão ao lado dele, tentado tirar a mão dele da testa, para ver como estava.

- O que você esta sentindo? Ta doendo muito? Draco, se você não tirar a mão eu nunca vou conseguir ver o machucado!

Com muito custo, Gina conseguiu afastar a mão dele, e ainda o forçou a deitar a cabeça no seu colo. A pancada havia sido forte, dava para ver que depois de um tempo iria ficar um galo enorme.

- Fica aqui, eu vou pegar gelo – Ela fez menção de se levantar, mas Draco a segurou pela mão.

- Não, fica aqui, comigo. – pediu

Ela pareceu pensar por alguns instantes, mas depois se rendeu ao loiro. Sentando de novo no chão, com as costas apoiadas na parede e ajeitando um pouco mais a cabeça dele no colo, começou a acariciar os sedosos fios loiros.

- Draco ?

- Humm?

- Você vai me desculpar né?

- Não sei ... Um dia talvez ...

- Draco, se você não me desculpar e me fizer ficar com a consciência pesada por ter te acertado com um livro na testa, eu vou começar a te chamar de Floquinho na frente dos meus irmãos!

- Nossa, obter perdão por chantagem não é uma atitude muito grifinória. Muito menos tentar matar o noivo com seu novo livro de poções.

- Pois é, é a convivência com um certo sonserino de olhos prateados... – com isso Gina abaixou a cabeça, colando os seus lábios nos dele.

                                                  ******************************

N/A: Bom, como eu havia falado, que estava pensando em fazer um continuação para "Em busca do Presente Perfeito". Esta aqui, eu planejo postar mais capítulos, mas pode demorar, de acordo com o tempo, a minha inspiração, vocês sabem. Dessa vez não foi o caboclo Gumanhá que baixou ( ehehe foi a "cabocra" !!!)

Bom, eu também não chamaria essa fic de continuação, vão ser mais uns "Short Cuts" da vida de Draco e Gina juntos, mas estão no mesmo universo de Em Busca do presente perfeito.

N/A1:  Nessa primeira parte, são os pensamentos de Draco, por tanto não se confundam por estarem em 1a pessoa.

N/A2:Depois eu explico melhor a historia do Draco usar óculos.

Desculpa ai qualquer erro de gramática e concordância, eu terminei essa bosta ás 2:30 da manhâ caindo de sono e ainda não mandei para nenhuma Beta. Quem quiser se candidatar, so falar comigo no MSN : ginnymaphoter@hotmail.com

Valew povo, beijinho especial para a Morgy, Patty, Ju e Larinha!!