TÍTULO: Cat Person (Pessoa para gatos)
AUTOR: campylobacter
CENSURA: PG
CATEGORIA: Vinheta, Humor.
SPOILERS: Audrey Pauley
PALAVRAS-CHAVES: Doggett, Reyes, cerveja.
SINOPSE: Pós Audrey Pauley: a cena perdida. Acontece num bar, depois de todo aquele trauma.

DATA: 17 de março de 2002
DISCLAIMER: Essa é uma fanfic de Arquivo X.

NOTA DA TRADURA: Essa fanfic pertence ao autor, campylobacter, e o crédito é todo seu. Eu estou apenas traduzindo, apesar de não ter conseguido entrar em contato pelo email disponibilizado.

ATENÇÃO: A reprodução dessa tradução não é permitida.

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

PESSOA PARA GATOS

Escrita por campylobacter | 17 de março de 2002.
Tradução por Lipsum | 02 de março de 2008.

- Meu colega de quarto na faculdade tinha essa cadela, uma cruza de doberman com pastor alemão, – disse Doggett – A cachorra era realmente um doce, mas meio gulosa. Eu bebi muito uma noite e tive que arrumar espaço pra mais alguém, se é que você me entende. Então essa cachorra me segue até o banheiro, e eu vomito antes de conseguir alcançar a privada. O que tinha no meu estômago se espalha no chão. Por apenas dois segundos. A cachorra olha pra mim e lambe o focinho como se quisesse mais. E você sabe o que mais?

- Meu Deus, o que? – murmura Reyes, descascando sem sucesso o rótulo da sua cerveja.

- Eu estou tão bêbado que continuo vomitando, e ela engole toda a evidência disso antes que caia no chão...

- E esse – ela interrompe, agarrando a tigela com as migalhas de pretzels dele – é o motivo pelo qual você é uma pessoa para gatos.

- Não. Esse é o motivo pelo qual eu não sou um doador de órgãos, Monica.

. . . . . . . .