Biscoitos

Sakura deu uma última olhada no espelho. Estava mais bonita hoje por estar confiante. Passara a noite passada fazendo cookies de chocolate para Sasuke. Se esses biscoitinhos não a ajudassem a conquistar o shinobi, ela não saberia o que mais poderia ajudá-la. É seu maior dom culinário, são elogiados por todos que o provam.

- Hoje vai dar tudo certo – falou para si mesma, se olhando no espelho

"Certo? Hoje vamos arrasar!" – gritou a Inner

Sakura saiu de seu quarto, com o embrulho que continha os biscoitos. Foi andando calmamente por Konoha. Ela tinha pensado em só dar esse biscoito para ele no dia dos namorados, mas nessa data teria que concorrer com todas as garotas de Konoha pela atenção dele. Seria apenas mais uma. E tudo o que Sakura não queria era que Sasuke pensava que ela era apenas mais uma daquelas meninas. Ela era diferente. Ela o amava de verdade. Não só por ser lindo ou por carregar o sobrenome Uchiha. Mas por ser quem ele é. Por ser apenas Sasuke.

Hoje não teria ensaio, mas ainda assim Naruto e Sasuke estavam juntos. Ou Naruto estava junto a Sasuke, como Sakura podia analisar. O loiro falava empolgado enquanto Sasuke estava sentando com uma expressão de tédio no rosto. Respirou fundo e continuou caminhando em direção ao garoto. Será que ela estava mesmo bem? Será que os biscoitos estavam bons? Bons eles estavam, ela havia experimentado um ontem. Mas será que o biscoito estaria bom o suficiente para ele? Será que ela estaria boa o suficiente para Sasuke Uchiha.

- Sakura-chan! – Naruto berrava e acenava exageradamente para a menina

- Bom dia, Naruto. Oi Sasuke-kun.

- Hun.

- Essa noite eu fiz uns biscoitinhos e eu queria...

- Oba! Biscoitos, Sakura-chan? Cadê? Cadê? – Sakura deu um tabefe na cabeça de Naruto

- Não são pra você, baka! – Sakura se recompôs esticando os biscoitos para o Uchiha – São pra você.

- Não quero.

- Mas... mas, Sasuke-kun, eu – ela foi interrompida

- Não quero.

- São de chocolate.

- Não gosto de doces.

- Ele não gosta. Me dê os biscoitos. Estou morrendo de fome.

- Cala a boca, Naruto. – Sasuke se levantou e Sakura o seguiu – Porque, Sasuke-kun? Eu passei a noite acordada, fiz esses biscoitos com todo o amor e carinho, eles ficaram deliciosos de verdade, eu fiz tudo isso por você. Tudo o que eu faço é por você. E ainda assim você não me dá atenção. Você nem ao menos tenta. Você não se esforça. Eu estou falando com você, Sasuke-kun. – Sakura jogou o pote de biscoitos na direção dele e foi acertado na cabeça. Sasuke parou. – Você nem ao menos provou os biscoitos. – Sasuke se virou para Sakura

- Você é irritante. – os olhos da menina se encheram de lágrima – Eu não pedi que você fizesse nada pra mim. Então você faz e eu não quero e a culpa é minha?

Sakura recebeu uma facada. Ela não entendia. Ela só queria que ele gostasse dela. Ela só queria fazê-lo feliz. Só queria quebrar essa barreira que o Uchiha criou para se proteger de todas as pessoas. Mas quanto mais ela tentava ser boa para ele, mais ele a tratava mal, mais ele pisava nela. E Sakura não entendia. Não entendia o porque da reação dele. E não entendia o porque ela continuava amando-o ainda assim.

- Porque? – sua voz saiu como um sussurro

- Dedique seu tempo a quem vá valorizá-lo, Sakura. – Sasuke se abaixou, pegou um dos biscoitos que tinha permanecido no pote e o comeu

- Pensei que não gostasse de chocolate, Sasuke-kun.

- E não gosto. O biscoito está horrível. Agora você pode secar suas lágrimas e voltar pra sua casa.

O menino se afastou enquanto Sakura enxugava suas lágrimas. Ela sorriu. Pelo menos ele comeu o biscoito.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Uma short short fic, eu sei. Eu na verdade ia escrever outra coisa completamente diferente (e maior), mas... saiu isso. Apesar do tamanho, acho que ficou legal.

Hell