Itálico: pensamentos e flashback

Normal: narração e fala

Naruto e Boomer: os Uzumakis de Konoha

Capítulo 1.

Era o dia de mais um grupo de alunos na academia se formar. E não é uma surpresa encontrar Naruto sentado no balanço depois de ter sido reprovado.

Naruto: *melancólico* Por que sempre eu que sou o único a ser reprovado? Parece até que o Iruka-sensei me odeia! Bom, não será uma surpresa se isso for verdade!

Voz: Que cara é essa, mano?

Naruto olhou pra frente e viu seu irmão, Boomer Uzumaki. Eles não eram irmãos de sangue, mas Naruto o conhecia desde que tinha 8 anos, e um era a família do outro (a história de Boomer será revelada mais tarde).

Naruto: *voz fraca* Oi Boomer! Não estranha minha cara! Fui reprovado na academia de novo!

Boomer: Ah... sinto muito por você, Naruto!

Naruto: E você? Conseguiu se formar? Já faz 3 anos que você não pôe os pés em Konoha! Sempre eu que vou te visitar em Suna!

Boomer: Pois é! E sim, eu me formei este ano! Com as piores notas, mas me formei!

Boomer tirou do bolso da roupa que estava usando a bandana com o símbolo de Suna.

Naruto: Pretende trocar a bandana por uma de Konoha?

Boomer: Com certeza!

Naruto: *reparando nas roupas de Boomer* Essas roupas... AI, EU NÃO ACREDITO!

Boomer: *confuso* Que foi?

Naruto: *espantado* VOCÊ TÁ USANDO ESSA ROUPA VELHA E RASGADA AINDA?!

Boomer: *cruzando os braços, sério* Eu sei que não troquei de roupa desde os 8 anos, mas não sou rico, Naruto! O dinheiro que eu consigo só dá pra comer!

Naruto: *sorrindo sem graça* Tudo bem, eu tava só brincando!

Boomer: Pelo menos você está melhor! Bom, eu tô indo falar com o tal Terceiro Hokage! Nos vemos em casa, mano!

Boomer saiu dali e foi falar com o Terceiro Hokage pra trocar a bandana. Nem é preciso dizer o que houve com Naruto depois que o irmão saiu. Mizuki o traiu, fez Naruto pegar o pergaminho sagrado, Iruka foi atrás, e depois que este foi salvo por Naruto, tornou-o um ninja. Mas isso foi só o começo.


Este é o primeiro capítulo. Só escreverei o segundo depois de receber, no mínimo, uma review. Beijos!!!