Oi, vim incomodá-los com minhas histórias de novo :$ Ficou curta, mas eu gostei bastante. Espero que gostem também. Queria agradecer minha crítica particular (Louise, valeu minha fofa!) se não fosse pelos seus incentivos eu já estava no fundo do poço! Reviews, por favoor!


Bella POV

- Não Isabella, não assim... – Ele suspirou pela quinta vez.

- O que tem de errado agora?

Jasper estava me ensinando a falar português, já que, talvez, mudemos para o Brasil no ano que vem. Estava ficando arriscado morar em Forks, as pessoas, a essa altura do campeonato, já perceberam que tem algo de estranho com os Cullen, e não é fácil esconder as semelhanças de Renesmee comigo e com Edward.

- O 'R' é claro, já te disse: puxe um pouco mais, está extremamente arrastado!

- Você fala arrastado! Por que somente eu tenho que arrumar o maldito sotaque?

- Porque, maninha, eu sou do Texas, e é de se esperar que você seja do Arizona.

- Bom, eu nunca me enquadrei no perfil "Garota do Arizona", MANINHO.

A expressão calma e calculista transformou-se em um sorriso sincero.

- Maninho, é?

- Sim. – Dei de ombros e olhei para a janela, pedindo para Edward chegar e terminar a tortura diária.

Senti seus dedos longos em contato com o meu estômago, logo, estavamos ambos rindo e rolando no chão do quarto.

- Jasper! Para! – Eu pedia, me contorcendo de cócegas.

- Só se falar a palavra corretamente. – Ele ria de mim, é... acho que passariamos assim até o próximo século...

- BaRRaca! BaRRaca! – Eu gritei a palavra desnecessariamente alto, sob a ameaça de suas mãos, e, para nossa surpresa, a palavra saiu com perfeição. Nós dois rimos.

- Acho que a ameaça é uma ótima forma de aprendizagem. – Eu sorri para ele – Maninho.

- É, talvez seja. – Ele concordou. – Maninha.