L'amour est Sourd

Disclaimer: A história pertence a Mellie, Twilight a Stephenie, e a mim somente a tradução. Essa fic é uma SHORT-FIC, ou seja é curta.

Sinopse: Edward é surdo desde o seu nascimento, e ninguém o entende, até que Bella chega e muda o seu mundo completamente.


Capítulo 7 - Bénit L'union/Abençoada União

BPDV, 13 de Agosto, 2004:

Casamento. A instituição social em que um homem e uma mulher estabelecem a sua decisão de viver como marido e mulher por compromissos legais ou cerimônias religiosas. Para ter e manter, o amor e o carinho. Em tudo.

E, apesar dos medos que eu tinha de ser uma pessoa tão comprometida para o resto da minha vida, eu estava calma pelo conhecimento de que a outra pessoa seria Edward.

Casar era a idéia de Edward, não minha. Embora eu o amasse mais que minha própria vida, o casamento não era algo que eu queria entrar levianamente. Ele perguntou-me solidamente uma vez por dia durante uma semana direto, e eu dizia para ele que eu precisava de tempo. E então, na oitava vez que ele pediu, eu disse que sim, sem outro pensamento.

O que eu estava pensando, por esperar tanto tempo? Eu o amava. E ele me amava. Os obstáculos à nossa frente eram apenas isso: os obstáculos que nos foram feitos para vencer. E nós poderíamos vencê-los, se apenas nos uníssemos e nos prendêssemos um no outro. As coisas não foram fáceis para nós, e eles nunca seriam. Não se podia prever o que aconteceria no nosso futuro, mas tudo que eu realmente precisava saber era que através de tudo, nós dois estaríamos juntos.

Então lá estava eu , vestindo um vestido branco muito simples e um par de sandálias confortáveis branca, prestes a me casar.

Alice tinha assustado e quase nos matou quando dissemos que estávamos fazendo um casamento de uma forma simples e informal. Nem Edward e nem eu queríamos um casamento grande, então as únicas pessoas que poderiam estar presentes em nosso casamento à beira-mar seria o meu pai e sua namorada Sue, Carlisle e Esme, Alice e Jasper e Rosalie e Emmet. E eu não queria de outra maneira, pois eles eram as pessoas mais próximas a nós e também foram as pessoas mais importantes em nossas vidas.

Após a cerimônia, as nossas famílias iriam voar para casa e Edward e eu iria ficar para a nossa lua de mel. Tínhamos passado um tempo aqui no resort durante a semana, e tinha sido incrivelmente divertidos. Tínhamos feito uma série de atividades lúdicas em torno da praia, e Edward e eu tínhamos tomado a chance que tínhamos.

"Bella, você está pronta?" Alice perguntou, entrando na sala e olhando-me de cima e para baixo. "Oh, Bella, você está linda! Eu não estava gostando da idéia de casamento como simples... mas ele realmente se adequa a você e a Edward perfeitamente."

"Obrigada". Eu disse, corando e trazendo uma mão para auto-conscientemente tocar em meu cabelo. Rosalie tinha colocado em um coque alto casual, e eu estava preocupada de acidentalmente estragar tudo. "Alice... por que estou tão nervosa?" Eu perguntei, mordendo meu lábio e torcendo as mãos juntas. "Meu coração está batendo a mil vezes por minuto e não posso relaxar..."

Alice sorriu com simpatia, passando o braço em volta de mim. "Querida, isso é totalmente e completamente normal. Você deveria estar nervosa. Esta é realmente uma grande decisão, e mesmo que você e Edward são destinadas a serem um do outro, o casamento não é fácil. Jasper e eu só estamos casados por um ano e já aprendemos que o casamento não vem facilmente. Vocês dois vão ter que aprender como se vive e com compromisso, ou caso contrário você não vai ser ums campista muito feliz. Você e Edward vão ter o seu quinhão de problemas e dificuldades, mas sei que tudo vai ficar bem. Vocês se amam, e podem fazer as coisas funcionarem.

Eu balancei a cabeça, tomando um grande fôlego e, em seguida, jogando meus braços em torno dela. "Obrigada, Alice. Eu só quero ter esse casamento o máximo e viver o matrimônio."

"E a lua de mel". Alice piscou, e eu corei. "Oh, pequena Bella, apenas não seja tão sensível." Ela riu, esfregando o meu braço. "Nós todos sabemos que você e Edward tiveram sexo."

"Vamos falar de outra coisa." Eu disse, olhando para os meus pés e ainda corando. "Quando é o seu vôo de volta para casa?" Eu perguntei, e Alice sorriu ironicamente para mim, esfregando as mãos. "Alice, vamos lá... eu realmente não quero falar sobre minha vida sexual, especialmente desde que você é a irmã de Edward. Você realmente quer saber sobre isso?"

"Tudo bem... e o vôo sai às sete horas da noite. Isso vai nos dar bastante tempo, porque você não está tendo uma recepção." Alice disse, uma pitada de ressentimento evidente em sua voz.

Eu golpeei o seu braço de brincadeira. "Certo. Não há recepção, estamos apenas indo jantar fora."

"Bella... não significa que não há um bolo." Alice apontou, e eu revirei os olhos quando alguém bateu na porta do quarto do hotel.

Corri para abrir, antes olhando pelo olho mágico para ver quem era. Meu pai. Eu abri a porta, sorrindo para ele. A respiração Charlie travou um pouco, e então ele sorriu para mim, e eu notei que seus olhos estavam um pouco lacrimejantes. "Você está linda". Ele disse em voz baixa, estendendo a mão e apertar a minha.

"Obrigada, papai." Eu disse. "Estamos prontos para começar?" Ele concordou, e Alice se apressou na frente, entregando-me o meu simples ramo de flores.

"Vamos lá!" Alice disse alegremente, pegando as suas flores, Charlie me levou pelo corredor e no exterior para onde a cerimônia seria realizada. O sol estava começando a se pôr, e estava tudo absolutamente perfeito. Nossas famílias estavam toda sentados, conversando em voz baixa, e Edward e Jasper estavam de pé de costas para todos nós, olhando para o oceano.

A música começou e todo mundo parou e olhou para nós enquanto Alice, minha única dama de honra, começou a fazer o seu caminho pelo corredor pequeno. Jasper gentilmente cutucou o braço de Edward, e ambos se viraram e ele me encarou. No momento em que os olhos verdes de Edward encontraram os meus todos os meus medos e preocupações, de repente desapareceram e uma sensação de calma tomou conta de mim.

Este é o nosso destino.

~xx~ FIM ~xx~


Lindo. Lindo. Lindo. Lindo. Lindo. Lindo. Lindo. x3

Vou explicar para vocês porque essa fic e os capítulos acabaram ficando pequenos: Entre o capítulo 5 e 6 a autora quebrou a mão, quem digitou o capítulo 6 foi o marido dela, ela narrava e ele escrevia. Com isso dela quebrar a mão, ela perdeu muito da inspiração dela, e ela mesma disse que quando começou tinha a intensão de escrever mais, acabou que um imprevisto prejudicou a fic. Mas ela não deixou de ser linda, fofa, e de nos fazer suspirar.

Obrigada pelos comentários, e espero que tenham gostado dessa short-fic.

Não irei postar por agora uma fic dessa autora, pois ela é bem grande e só vou postar quando acabar Nosso Pequeno Homem.

Confiram a nova tradução: Não Julgue uma Bella pela Aparência

fanfiction.*net/*s/*6990114/*1/*Nao_Julgue_uma_Bella_pela_Aparencia (TIRE OS *)

BEIJOS E NOS VEMOS =D