Jane nasceu e foi criada em Londres e se considerava com razão muito afortunada por isso, sob a regência Vitoriana, a cidade não era apenas a mais importante do país, mas como também do mundo, o lugar da ciência, de novas idéias e conceitos, ela adorou crescer em Londres, os costumes também sempre lhe pareceram os mais apropriados ,as reverências, a falta de toque em geral , e antes ela achava que qualquer outra maneira ela não gostaria, acharia ofensiva até.

Ao se virar havia apenas poucos centímetros entre ela e Tarzan, isso acontecia com freqüência, espaço pessoal era um conceito que ele parecia simplesmente não entender, ela não achava isso ofensivo, isso não a surpreendeu muito, foi criada por seu pai para respeitar muito bem as diferenças antropológicas entre culturas , ela gostava daquilo, isso a surpreendeu severamente. Nos homens de Londres mal se podia ver o tornozelo entre as meias e as calças, ela se encontrou percorrendo seu corpo com o olhar por razões definitivamente não cientificas e antropológicas , embora biologia dependo do ângulo que fosse analisado poderia ser incluída. Ele notou que ela o estava encarando e ela ao perceber isso sentiu todo o seu sangue se concentrar em suas bochechas lhe dando uma distinta coloração vermelha.

- Afastar de Jane ?– ele perguntou inocentemente lhe olhando com preocupação.

- N-não, pode ficar exatamente onde está.

Suas bochechas ainda estavam vermelhas ,mas ela sabia que por enquanto não iria parar de olhar, ela sentia falta de Londres, mas nem um pouco de seus homens.