N/A : Contém alguns spoilers até a oitava temporada.

Em casa

Lister sabia muito bem que deveria estar triste. Miserável até : ser condenado a passar dois anos em uma cela com Rimmer antes seria a sua definição de inferno.

Mas ele se sentia bem ,não apenas isso, melhor do que se sentia a muito tempo, desde que o outro Rimmer se tornara Ace. Não fazia sentido mas o exemplo ridículo de pessoa covarde, pomposo, egoísta, irritante e cínico que Rimmer era ,era o que lhe estava fazendo falta. Ele nunca admitiria isso ,mas ao ouvir Rimmer reclamando no beliche debaixo ele não conseguiu evitar respirar aliviado, ele estava em casa de novo.

Obrigada por ler, comentários são sempre apreciados.