Conteúdo: Slash

Beta: Não existe. Os erros são todos meus.

Shipper: Dastiel.

Lá estavam eles, caçador e anjo, amando-se no chão empoeirado de um motel qualquer. O dia não tinha sido fácil, aliás, eles nem sabiam mais o que significava um dia ser fácil.

O Apocalipse estava ali, pronto para detonar a Terra, mas naquele momento nada mais importava. Na verdade o apocalipse já estava acontecendo, acontecendo entre aqueles dois corpos humanos que pediam por mais. Não era a primeira vez que eles se entregavam ao amor e nem seria a última. Estavam extremamente apaixonados e não se importavam com o que o resto do mundo pensaria daquilo.

E Dean pediu por mais, mais daquele corpo moreno, suado, daquele tocar sem jeito devido à inexperiência do anjo. Virou seu protetor de costas fazendo-o sentir o gelado do assoalho em seu rosto, pegou os pulsos do moreno e com sua mão prendeu os braços do anjo nas costas nuas impossibilitando-o de se mover. Apoiou sua outra mão no chão para conseguir equilíbrio, aproximou seus lábios carnudos do ouvido do outro. Os pequenos gemidos e a respiração ofegante de Castiel deixavam o loiro em total êxtase.

- Me diga, Cas – o loiro beijou o pescoço do outro – como você quer? – sussurrava ele – Como você quer que eu faça? – agora Dean roçava sua ereção nas nádegas de seu protetor – É só você dizer, meu anjo. Faço o que quiser! – o caçador lambeu a orelha de Castiel, fazendo-o soltar algumas palavras desconexas.

- Eu quero você De... an – disse o moreno entre gemidos – Quero sentir você entrando em mim, sentir seu sexo pulsando no meu interior, sentir seu vai-e-vem, seu corpo molhado de suor - essas palavras faziam o loiro delirar – Sentir seu corpo sobre o meu, sua mão percorrer o meu corpo, seu beijo intenso tirar meu ar, ouvir seus gemidos, ouvir palavrões no pé do ouvido, sentir você me comer, sentir seu gozo quente preencher meu corpo, sentir que a união de nossos corpos nos tone um, nos torne único...

Dean surpreendeu-se com as palavras de Castiel. Um anjo de Deus, que meses atrás usufruía de uma inocência quase infantil, que não tinha nenhum tipo de sentimento, agora fazia com que o caçador explodisse de desejo e prazer.

Aquelas palavras fizeram Dean ficar louco, necessitando de alívio. E foi isso que o loiro fez, aliviou-se, seguindo todos os pedidos de seu anjo protetor.

N/A: Gente, essa é minha primeira fic. Estou muito nervosa com o que vão achar, mas enfim... Digam se levo jeito pra coisa. Reviews, por favor.