O que deve acontecer?

Prólogo

"Já chega!" disse Hades, furioso "Nos obrigou a fazer uma maldita promessa e é o primeiro a quebrá-la!" O senhor dos mortos lançava essas palavras com ódio sobre o Deus dos céus.

"Se acalme, irmão!" Zeus disse, mais alto do que qualquer um dos berros de Hades, apesar de não alterar a voz. "Sim, quebrei a promessa e admito, mas minha filha já foi tirada de mim, de maneira que esse assunto já devia ter-se encerrado."

" Ah, mas é muita cara de pau!" O rei do Submundo não se dava por si naquela fúria "Querendo fugir do assunto para se livrar do fardo..."

" Meu senhor e marido, acalme-se, antes que Zeus lance um raio sobre nós!" Perséfone falou receosa, agarrando-se ao braço de Hades.

" E tem m..." Ele continuava dizendo, até ouvir as palavras de Perséfone. "Não... Tem razão, Perséfone." E cruzou os braços, fazendo uma carranca que fez até mesmo Ares, que até então se deliciava com a discussão entre seu pai e seu tio, tremer. E formou-se um silêncio absoluto. Até...

"Ai, George, para de subir em cima de mim!" Ouviu-se uma voz, vinda de Hermes. "Deixa eu falar de uma vez!"

"George, Martha, o que vocês querem me dizer agora? Não vêem que estou em uma reunião importantíssima?" Hermes se irritou por suas pequeninas cobras terem quebrado o silêncio.

"O porteiro deixou na caixa postal que tem um pacote subindo nesse momento para vocês." disse Martha.

"Hm... vou lá buscar, se não se importarem. Aqui está um tédio mesmo!" Soltou Apolo.

"Não se preocupe!" Disse Hermes, que, com um estalo de dedos, convocou o pacote, que apareceu em sua mão.

" Que será isso?" Perguntou Poseidon, que estava, a momentos atrás, com a cabeça encostada em seu trono.

"Deve ser algo interessante!" Disse Aphrodite, tão entusiasmada quanto Apolo por ter algo para fazer.

"Deixa eu ver!" Disse Apolo, claramente cheio de curiosidade, tomando o pacote das mãos de Hermes e rasgando o embrulho pardo. "Ahn... Livros? Ok, já temos o presente da nossa Atheninha querida. Agora, cadê o meu?"

Alguns deuses explodiram em risadinhas, exceto Athena, que lançava olhares muito estressados à Apolo, Zeus, Dioniso e Ártemis, que deu um tapa na cabeça do irmão e disse:

"Se você não fosse tão idiota, teria visto o bilhete que caiu!" E apanhou o bilhete, lendo-o em voz alta:

"Aos Deuses do Olimpo

600º andar,

Empire State Building,

Nova York."

"É só?" Não se conteve Héstia, que, apesar de não participar oficialmente do conselho, era muito querida e todos prestavam atenção em suas opiniões.

"É, maninha. Se você não fosse tão idiota, teria visto que tem coisas escritas no verso do bilhete!" Apolo disse, somente para infernizar sua irmã, levando desta um tapa na cabeça.

"Como vão, meus queridos Deuses do Olimpo?

Bom, como não mandei os livros para falar isso, vou direto ao ponto.

No momento em que vocês abriram este pacote,

meu poder de parar o tempo entrou em ação.

Estes livros dizem respeito ao futuro,

mas vocês não poderão mudar nada do que está escrito,

pois isso afetará o futuro de vocês drasticamente.

Não poderão sair desta sala até terminarem todos os cinco livros,

e, ao final da leitura,

vocês não se lembrarão de nada.

Ah, e agora não dá para voltar atrás, sinto muito.

Abraços do amigo Morfeu."

"Não acredito!" Gritou Hades, sua voz ressoando mais do que nunca no silêncio do mundo lá embaixo "Tragam para nós o engraçadinho! Ele será destinado à pior das torturas!"

"Infelizmente, irmão, ele não morreu e nem pode para ser mandado para o Submundo." disse Poseidon, até agora pouco tendo interagido com sua família.

"E qual são os títulos dos livros?" Perguntou Dioniso parecendo extremamente entediado

" 'Percy Jackson e os Olimpianos' é o começo de todos os títulos, mas, tirando isso," Poseidon ofegou à menção do sobrenome da garota com a qual ele havia se envolvido a algum tempo, mas ninguém percebeu. Haveria alguma ligação do garoto com sua última paixão terrestre? "são 'O Ladrão de Raios', 'O Mar de Monstros', 'A Maldição do Titã' 'A Batalha do Labirinto' e 'O Último Olimpiano'." E assim terminou Apolo terminou de citar os títulos, deixando todos um pouco receosos.

"Vamos realmente ler isso?" Ares perguntou, impaciente

"Não tem como voltar atrás e não saímos daqui sem ter lido tudo! Vamos ter que ler então." Disse Hermes.

"Ok, eu começo!" Disse Apolo, meio animado por ter algo menos tedioso do que ouvir a briga de seu pai e de seu tio para fazer.

E, após pigarrear e dizer novamente o título do livro 1, citou o capítulo:

"Sem querer, transformo em pó minha professora de iniciação à álgebra"


Oi, todo mundo :D Bom, essa é minha primeira fanfic, e, apesar do meu apelido idiota e feito por minha prima e do meu vício compulsivo, não é sobre Harry Potter. Gostaria de esclarecer que minha intenção com essa fic não é, de maneira alguma, plagiar a fanfic de Avvithespaz, que é em inglês. A minha intenção era disponibilizar uma versão com minhas palavras e comentários que eu sentia que não podiam faltar. Inclusive, só vi a fic de Avvithespaz depois de ter escrito e editado o prólogo da minha. Espero que não me matem por isso =[ e principalmente, espero que gostem!

Bjox, Letz.