Era pequeno, quase imperceptível. Poderia ser invisível, algo minúsculo e sem sentido. Uma coisa que esquecemos na mesma hora que realizamos a ação, como colocar o pé esquerdo na frente do direito ao andar. Porque, na verdade, isso não faz diferença nenhuma e estamos bastante acostumados com isso, tornando a coisa um tanto banal.

Porém acontece. Podemos não perceber, ou não ligar, mas ainda assim está lá.

Era somente uma pequena troca de olhares; sem valor, sem um claro fim para o prolongamento do dia. Quem iria lembrar-se de algo tão insignificante ao dormir, não é mesmo?

Nunca se lembra do pequeno detalhe, da pequena cena, de algo... Pequeno. Existiu, mesmo que a razão do acontecido fosse involuntário.

Evan vira o rosto na direção de Amy. Amy vira o rosto da mesma hora em direção de Evan. Os olhares encontram-se, e ficam envergonhados rapidamente. Ambos viram a cabeça e encaram o quadro da sala mais uma vez, como se nada tivesse acontecido.

Realmente, nada tinha acontecido. Nada muito importante.


Ninguém me ama D: Ninguém me mandou review no capítulo passado! Fiquei tão triste ):

Bem, acabei de cumprir com a promessa, mas esperava que alguém me mandaria review ):

~CaahT39C