Aparências

Ele não era belo, não como a maior parte dos outros deuses pelo menos, seu rosto tinha ângulos demais, e a expressão do seu rosto sempre era séria, seus olhos negros e frios, pesados com responsabilidade e dever, mas no entanto estes se suavizavam as vezes, geralmente quando olhava para ela.

As mãos dele eram frias também, isso Persephone já estava esperando, mas era como se o seu corpo estivesse tentando supercompensar isso fazendo com que a partir daquele toque gelado calor se espalhasse por todo o seu corpo.

Ele não era belo, mas contra o seu melhor julgamento ela não conseguia parar de olhar para ele, ou de ansiar por seus toques.

Obrigada por ler, reviews são sempre apreciadas.