DISCLAIMER:

• Os personagens aqui citados não me pertencem. FATO!

• Betado por Amanur.

• Totalmente melancólica e angst.

• Boa leitura!


SEGURE FIRME


.

Seus olhos estavam sempre tão tristes e vermelhos do provável choro. Sua pele estava mais pálida que o normal, e seu cabelo sempre tão bonito — agora opaco e sem vida. Seus dedos tamborilavam sobre as teclas do piano, em uma melodia lenta e terrivelmente melancólica, deixando o ambiente parcialmente escuro com um clima tenso, mas ao mesmo tempo, calmo.

Durante a noite, ficava horas acordada — o que explicava suas horríveis olheiras — apenas observando seu tão amado marido. Aquele que trouxe o amor a ela, mas, em troca, levou sua vida. Ronald era para ter trazido a esperança à vida dela, mas, ao contrário disto, ele a levou a ruína. E todo resquício de esperança que ainda restava nela se esvaiu por completo, a deixando presa na escuridão que ele trazia para sua vida. Então, ela deixava as lágrimas cair por seu rosto sentido o perfume barato e feminino impregnado nele, mais o odor desagradável de bebida. E quando ela finalmente dormia, sempre sonhava que ainda havia luz. E talvez fosse isso que ainda a mantivesse viva.

E quando acordava, ele já não estava mais em casa. Então, seus dedos pequenos apertavam o lençol de seda contra o peito enquanto chorava silenciosamente, deixando, às vezes, alguns soluços escaparem. Ela nunca chorava na frente dele, ela sempre fingia que não se importava. Segure-se bem forte e, talvez, você não caia e, consequentemente, quebre. Ela se agarrava aquelas palavras, era o que dizia a si todas as noites, mas o que Hermione ainda não havia percebido era que já estava quebrada há muito tempo.

.


N/A: Bem tristinha né? Era essa a intensão, não sei o que esta me dando, mas só estou conseguindo escrever ones assim, angst.

P.S: Reviews fazem sempre um ficwriter feliz. :)