AGENT 00HOT

Sinopse: Edward é um atraente Agente do F.B.I. quem é imediatamente atraído por Bella, a oficial da condicional, que acontece de ser um ímã para situações ridículas.

Disclaimer: A história pertence a maxandmo, Twilight e os personagens a Stephenie Meyer, e a mim somente a tradução.


Capítulo 19 - Espaguete Fumegante

(Traduzido por Mazinha)

~Edward~

Eu não posso explicar por que o Sr. Jacob Black me incomoda tanto. Talvez seja porque ele é gigantesco, muito bonito, e tem a pele que eu definitivamente chamo de caramelo. Sim, eu peguei a porra de uma cobertura de sorvete para descrever a sua pele. Eu era tão pálido que ficava reparando essas merdas. O fato de que ele salvou a minha garota certamente não ajudou.

Eu não podia acreditar que cara de pau teve a coragem de pedir a ela para ligá-lo diretamente na merda da minha frente. Da próxima vez que eu encontrar com esse babaca terei certeza que ele saiba que Bella era a minha garota. Eu não me importarei se eu tiver que atacá-la com meus lábios ou até mesmo o meu pau bem na frente dele. Bem, talvez não meu pau, mas com certeza meus lábios.

Eu sentei com o resto do tribunal descaradamente obcecado se ela iria ligar para ele não. Eu estava nervoso, ela faria, e eu não quero que ela faça. Nós não tínhamos conversado sobre nosso relacionamento e sua exclusividade 'ainda'. Quer dizer, eu achei que era óbvio que não estava vendo mais ninguém, e assumi que ela não queria qualquer um.

Essa merda ficou complicada depois do ensino médio. Quero dizer, antigamente você apenas deslizava um bilhete para uma e ela marcava sim, não ou talvez. Toda a questão 'você vai sair comigo?' era falha, vendo como eu estava agora nos meus vinte anos. Eu precisava encontrar a melhor maneira pra mostrar isso sem soar muito possessivo e prepotente.

Eu tive que sair logo após Jacob, porque eu recebi um texto sobre assalto a um banco. Quando eu estava voltando ao tribunal, liguei para o Yorkie e disse-lhe eu tinha que estar presente no tribunal. Ele só teria que informar-me mais tarde.

Felizmente tribunal foi dispensado e meu testemunho não era necessário. Eu não estava prestando muita atenção, e eu provavelmente teria estragado tudo. Não havia tempo de dirigir até em casa e me trocar, então eu decidi parar na casa da Bella e da Alice e fazer isso lá mesmo.

A ironia é que era segunda-feira, e uma menina estava novamente me fazendo o jantar, eu não perdi isso. Eu não tinha pensado sobre Tanya por algum tempo. Provavelmente porque tudo o que eu podia pensar era Bella. Eu esperava que ela estivesse bem, mas eu ainda estava chateado com a minha roupa e minha preciosa moto.

Quando cheguei ao apartamento das meninas, o aroma estava fodidamente incrível. Se o jantar provasse ser tão bom quanto ele cheirava, então Alice era incrível na cozinha. Ela atendeu a porta com um sorriso tímido, e eu a segui até a cozinha.

"Timing perfeito Edward", ela disse com um brilho nos olhos.

"Vim direito do tribunal, daí o terno. Há algo que eu possa fazer para ajudar?"

"Na verdade... eu me queimei pouco antes de você chegar aqui e só ia pegar alguma pomada para isso. Você se importa de pegar para mim no banheiro?", Ela perguntou.

"Hum, claro", eu disse, enquanto Alice me dirigiu para o banheiro.

"Edward, ele deve estar na gaveta de cima. Boa sorte."

Por que diabos ela estava me desejando boa sorte? A gaveta deve ser toda confusa e bagunçada ou alguma merda.

Eu entrei no banheiro e congelei. A água estava correndo, como se alguém estava, obviamente, no banho. Eu estava pronto para dar o fora de lá quando Bella começou a falar que ela achando que era Alice. Eu podia sentir meu pau começar a inchar, bastando saber que ela estava molhada, nua, e poucos centímetros de distância de mim.

Ela estava dizendo a 'Alice' que eu parecia quente em um terno e realmente mencionando seus sucos. Eu amava porra seus sucos. Eu era seriamente um caso perdido... com um tesão. Eu ainda tinha que dizer uma palavra e não estava exatamente certo do que fazer. Quero dizer que se ela achava que eu era um louco pervertido Peeping Tom*... err... Edward ou algo assim?

*Peeping Tom: Uma pessoa (geralmente um cara) que espiona os outros, enquanto eles estão praticando coisas que você normalmente não quer que outras pessoas vejam. Deixei em inglês mesmo para não perder a gíria.

Como eu estava pensando em meu próximo passo, Bella espiou a cabeça para fora do chuveiro e olhou para mim. Sua expressão foi de surpresa, para um sorriso enorme em questão de um milésimo de segundo. Minha ereção ficou extremamente feliz com isso, deixe-me dizer-lhe.

"Hey", disse ela timidamente.

"Oi. Hum, Alice me mandou aqui. E eu não tinha ideia que você estava tomando banho", eu disse nervoso, esperando que ela se sentisse legal com isso.

"Bem, isso foi muito atencioso da parte dela. Tive um dia muito irritado, e eu estava procurando algo para me fazer sentir melhor." Bella estava rindo para si mesma, e eu não queria tomá-la exatamente dentro da brincadeira.

Antes que eu pudesse da o fora dali, ela estendeu a mão e agarrou a minha gravata, me puxando para mais perto dela.

"Você talvez precise de um banho depois daquele longo dia no tribunal?"

Santa porra. Eu comecei a despir-se mais rápido do que eu pensava ser possível. Eu tropecei ao tentar sair das minhas calças, porque eu me esqueci de tirar os sapatos. Eu entrei no chuveiro escaldante e estava cara-a-cara com a minha linda garota.

Nenhuma palavra foi necessária quando nós olhamos nos olhos um do outro. Eu coloquei minhas mãos em cada lado do rosto dela e puxei-a para mim. Nossos lábios se encontraram em uma maneira completamente quente e sensual. Mudei minhas mãos para seus cabelos, agarrando as ondas grossas molhadas que estavam em cascata até os seus ombros. Estávamos completamente devorando a boca um do outro, enquanto nossas línguas estavam se agredindo. Eu estava vagamente consciente de suas pequenas mãos correndo círculos em minhas costas.

Minhas mãos tinham vontade própria, elas se moviam por seu corpo muito lentamente. Eles descansaram embaixo de suas costas, enquanto eu continuava segurando-a perto de mim. O peito dela estava pressionado contra o meu, e meu pau obscenamente duro estava tocando seu estômago.

Sua boca estava fazendo uma trilha de beijos no meu pescoço, e ela me deva arrepios. Minhas mãos necessárias para ocupar-se, assim que se mudou para baixo e coloquei-as em sua bunda. Eu mencionei que minha menina tinha uma bunda fantástica? Ela estava me deixando absolu-maldita-mente insano com o jeito que ela estava me beijando e arrastando seus dedos para cima e para baixo nas minhas costas.

Ela deve ter tido um pensamento olho por olho, porque ela moveu suas mãos para baixo e segurou minha bunda. Suas mãos me deram um abraço forte, e eu segui o exemplo. Enquanto estava segurando sua bunda, eu levantei as pernas e em volta da minha cintura. Puta merda. Estávamos totalmente nus, e tudo que eu podia pensar era meter o pau nela.

Eu estava tentando me concentrar no que estávamos fazendo, mas meu subconsciente manteve esgueirando seu caminho "para frente". Nós não tínhamos feito sexo ainda, e tudo o que eu tinha a fazer era movê-la a fração de uma polegada, e eu estaria dentro de sua vagina. Nossa primeira vez realmente será em um chuveiro com sua colega de quarto do lado de fora cozinhando espaguete?

Ela trouxe seus lábios nos meus e nos beijamos febrilmente. Eu queria esta menina tão forte pra caralho que eu poderia gritar... em vez disso eu gemi em sua boca. Quando eu estava pensando em se afastar, ela estava me agarrando e me beijando mais duro. Eu era tipicamente um pensador contemplado e planejado e tudo mais. Talvez por uma vez eu precisasse apenas ir com o fluxo e confiar em mim mesmo. Calculando pelo meu pau duro latejante, meu corpo definitivamente sabia o que queria.

Nosso beijo quebrou e eu olhei em seus olhos. Ela olhou para mim através de seus cílios e me deu um aceno sutil. Isso era tudo o que eu precisava persuasão.

Inclinei-me colocar minhas mãos no chuveiro parede para me preparar. Eu continuei a olhar para os olhos de Bella enquanto eu abaixei uma mão colocada minha masculinidade em sua entrada. Eu estava me movendo em torno de sua abertura sentindo o vazamento de umidade em mim. Este era o mais quente dos pornôs que eu já assisti.

Ela tinha as mãos em volta do meu pescoço e puxou-me para ela, arrebatando-me com um beijo faminto cheio de desejo. Ela então apertou as pernas mais forte em torno da minha cintura me forçando dentro dela.

Filha da puta. Ela estava tão molhada, sem trocadilhos, e tão incrivelmente apertada. Fiquei quieto por um segundo deleitando-me com o êxtase que era a boceta de Bella. Comecei movimentos lentos e firmes, e ela soltou um gemido suave em minha boca.

"Você é tão bom", disse ela, sem fôlego.

Meu impulso começou a aumentar e ela moveu suas mãos no meu cabelo, puxando ligeiramente.

"Oh, Edward... porra."

Era tão quente ouvir minha garota gemer palavrões. Estar dentro dela era o único lugar que eu sempre quis estar. Seu aperto me envolveu e fiz tudo o que podia fazer para não acabar bem ali.

Eu poderia dizer que ela estava perto quando sua respiração foi aumentando. Suas pernas estavam começando a tremer enquanto continuei a impulsionar. Eu estava perto de gozar, mas nós nunca tivemos a conversa sobre controle de natalidade. Quero dizer Bella e eu gostaríamos de fazer alguns bebês incrivelmente bonitos, mas tenho certeza da porra que não queríamos um agora.

"Estou tomando pílula", ela gemeu.

Foda-se sim. "Você é tão apertada, Bella. Isso é fodidamente incrível", disse em seu ouvido e, em seguida, mordisquei o lóbulo da orelha.

"Ah. Meu. Edward! Estou gozando." Ela estava respirando tão pesado e contrariando seus quadris firmemente nos meus enquanto gemia meu nome mais e mais.

Isso era tudo que eu precisava ver e ouvir, a fim de encontrar a minha própria libertação. Eu vim com uma fúria e meu corpo estava totalmente convulsionando. Ficamos juntos um par de minutos, enquanto nossa respiração se regulava. Foi só depois que eu percebi que a água estava morna na melhor das hipóteses. Eu estabilizei-me e ajudei Bella a ficar de pé.

Peguei seu rosto em minhas mãos e lhe deu um beijo lento e sensual nos lábios.

Eu quebrei o beijo e estava olhando para a garota incrível na frente de mim. "Você é linda... por dentro e por fora." Eu não podia deixar de sorrir com a forma como isso soava.

"Vou tomar isso como um elogio duplo", disse ela, enquanto beliscava meu ombro.

Saímos do chuveiro e começamos a nos secar. Eu precisava colocar a minha bunda de volta no meu maldito terno. Eu seriamente teria que manter um conjunto extra de roupas no meu carro. O Senhor sabia que o Volvo era abastecido com todos os tipos de merda.

Ela me observava se vestir com um brilho nos olhos. "Você é um pedaço quente de bunda."

"Obrigado Oficial Swan", eu disse timidamente.

Ela estava vestindo esse abominável e irritante robe amarelo da Terry cloth*. Nota mental: comprar-lhe um novo robe.

*Terry Cloth ou tecido macio que é a tradução. São aqueles tipos de tecidos, usado para fazer toalhas de banho, robes, alguns tipos de pantufas e tapetes para banheiro. Geralmente é um tecido direcionado a 'casa de banho'. Deixei Terry Cloth na forma original pra enfatizar a abominação do Edward ao robe velho da Bella. rsrs

Ela pegou o olhar inquieto no meu rosto. "O quê? Eu amo esta coisa. Eu tenho isso desde o colegial."

Eu não posso dizer que fiquei surpreso. Ela pegou minha mão e me guiou para seu quarto. Eu estava ansioso para ver o quarto dela, mas foi agredido com o fedor de urina, assim que entramos. Dizer eu fiquei de repente nervoso era um eufemismo. Todos os tipos de pensamentos estavam passando pela minha cabeça. Será que ela faz xixi na cama? Ela nunca limpar o quarto? Ela estava escondendo um gato que eu não sei sobre ele?

Eu olhei para ela e seu rosto estava vermelho. "Bella, que cheiro é esse?"

Ela começou a ficar agitada e embaraçosamente desviou o olhar. Ela estava murmurando e tudo o que eu podia entender era 'garrafa' 'prostituta' 'xixi'. Virei-a para mim. "Eu não consigo entender uma palavra do que disse."

"Uma prostituta viciada em crack tentou falsificar um teste de drogas usando o xixi de alguma outra pessoa. Eu disse a ela para deixá-lo e ela o fez... tudo sobre minhas calças."

Fiquei sem palavras. A menina teve a pior cambalhota da sorte.

Ela vestiu uma calça de yoga com uma camiseta justa e saímos de seu quarto. Logo que nós viramos a esquina da sala fomos agredidos com palmas e um monte de gritos detestáveis. Todos os nossos quatro amigos estavam sentados no sofá com de sorrisos fodidos em seus rostos.

Emmett levantou a mão para um cumprimento, que eu educadamente agarrei e torci até que ele disse: 'misericórdia'. Jasper tinha um sorriso no rosto, e Alice olhou como o gato que comeu o canário.

"Edward, minha queimadura está muito bem", disse ela com uma piscadela.

Rose estava rindo e chamando Emmett de moça pela forma como ele foi continuava esfregando a mão.

Olhei para Bella, que estava com dez tons de vermelho, mais uma vez. "Bella, você parece com um tomate", eu comentei inocentemente.

Jasper cuspiu a bebida com uma alta e rouca risada, e Emmett o acompanhou. Quer dizer, eu sabia que eu era engraçado às vezes, mas eu não acho que o que eu disse foi motivo for toda a reação. Rose parecia nervosa, e Alice estava tentando não rir.

"O que?" Olhei ao redor da sala com um olhar interrogativo.

Jasper foi o primeiro a falar. "Bella foi bombardeada com tomates podres em seu caminho para o escritório por aqueles pessoal loucos e bundões do PETA. Emmett acabou com a festa e a salvou de mais uma surra de frutas."

"Você teve tomates e fez xixi jogados em você tudo em um dia?" Eu não quis parecer tão óbvio, apenas voou da minha boca.

"O que? Você também teve um maldito xixi hoje?" Emmett estava rasgando suas tripas. "Puta merda, ou devo dizer mijo? "

"Ha, ha, ha... porra muito engraçado vocês cuzões. Eu estava tentando ajudar Sam e uma puta viciada em crack tentou falsificar um teste de drogas. Desnecessário será dizer que eu a prendi, mas não antes que ela deixar cair o recipiente. Então, sim, eu tive xixi em mim, mas não, eu não estava mijada. Entende? Quem está com fome?"

Com isso, ela se virou e foi para a cozinha. Minha menina era um inferno de uma boa brincadeira.

O resto de nós a seguiu, e entramos na cozinha, eu não pude deixar de olhar. Alice foi incrível. A mesa tinha cartões de lugar escritas em um roteiro extravagante definido adornando perfeitamente a mesa. O cenário era vintage* Itália. Havia cachos de uvas envolvidos em torno de três garrafas de vinho tinto, e as velas nos candelabros já estavam acesas.

* Vintage é um estilo de vida e moda retrógrada, uma recuperação de estilos das décadas de 1920, 1930, 1940, 1950 e 1960.

Todos nós sentamos em nossos lugares designados como Alice definiu os pratos postos na mesa. Olhei para Jasper e dei-lhe um sorriso. Ele parecia tão impressionado, como ele deveria ser.

Emmett limpou a garganta e estendeu a mão para Rose. Ela o agarrou e segurou-a para Jasper, que ergueu as sobrancelhas e depois continuou o movimento. Como estávamos de mãos dadas coletivamente Emmett começou uma oração.

"Querido Deus, obrigado por me deixar ouvir Alice dizer que ela estava fazendo um jantar para que ela sentisse que tivesse que convidar minha Rosie e eu. Por favor, mantenha-nos seguros... especialmente a Bella, que se mantém tendo alguma sorte uma merda. E obrigado por deixar meu filho Edward conseguir alguma coisa." Ele piscou para mim e Bella e começou a cavar seu prato de macarrão.

Não me surpreendeu que Emmett fizesse uma oração, vendo como eu sabia que sua mãe tinha perfurado essa merda em sua cabeça desde o seu nascimento. Ela iria pirar se ela ouvisse ao que ele estava agradecendo.

Estávamos todos terminando de comer quando meu telefone tocou. Meu estômago caiu visto que nunca foi uma boa notícia quando meu telefone tocou em uma noite de segunda-feira. Desculpei-me com a mesa e atendi a ligação quando eu vi que era Yorkie.

"Yorks, o que há?" Eu perguntei.

"Ei mano, desculpe incomodá-lo novamente, mas há uma situação de reféns em algum restaurante italiano. Eles acham que podem ser o mesmo cara que roubou banco que mais cedo." Ele estava gritando e eu percebi que ele já deve ter sido em cena. "O chefe quer todo nosso pessoal lá o mais rápido possível."

"Ok, estarei no meu caminho em alguns minutos."

Voltei para dentro e fui recebido com quatro pares de olhos expectativos.

"Eu sinto muito, mas eu tenho que ir. Dever chamando. O jantar estava incrível Alice, assim como a companhia." Eu estava olhando diretamente para Bella.

"Cara, você vai perder a sobremesa. Oh, espere, você teve antes do jantar." Emmett estava batendo em seu joelho em histeria.

Rose bateu-lhe na cabeça, ao mesmo tempo eu o chamei de babaca. Foi realmente divertido ver a facilidade com que ele pode se quebrar.

Eu encontrei os olhos de Bella e fez sinal para ela me seguir até a porta. Saímos, e eu puxei-a para mim para um abraço. Eu beijei o topo de sua cabeça e apertei-a.

"Bella, eu não sei como dizer isso sem soar como um idiota total, mas hoje foi incrível. Você é incrível. Você já passou por uma tonelada no curto tempo que eu te conheci, e estou espantado com o quão forte você é. Nada parece perturbar você. Acho que o que estou tentando dizer é que eu só quero estar com você, e eu espero que você sinta o mesmo. Você vai ser minha namorada?" Eu expulsei uma respiração profunda e me senti como um idiota.

"Eu pensei que você nunca perguntaria", ela respondeu enquanto agarrava meu rosto e me puxou para um beijo que selou o pedido.

Eu estava flutuando nas nuvens quando saí de seu apartamento. Tanto que eu só percebi quando comecei a dirigir que eu não tinha ideia de onde diabos eu estava indo. Liguei Yorkie, mas não houve resposta. Em seguida liguei para o excêntrico Agente Caius. Ele atendeu o telefone, mas estava completamente sem fôlego. Eu lhe perguntei onde estavam e, quando ele me disse que eu senti os pelos em minha nuca levantar. Eu podia ouvir pessoas gritando e gritando no fundo, e em seguida, a chamada foi perdida.

A "situação" era no mesmo caralho do restaurante onde Tanya trabalha. Eu tentei me acalmar o suficiente para continuar a dirigir. Lembrei-me que era segunda-feira o que significa que provavelmente ela não estaria no trabalho. Eu pisei no acelerador e corri como um filho da puta.

Só me levou uma questão de minutos para chegar lá, mas pareceram horas. A cena diante de mim estava caos completo e louco. As luzes piscando dos carros de polícia eram impressionantes, e havia pessoas em toda parte. Eu joguei meu carro no parque e correi para um grupo de policiais assim que os vi. Eles me apontaram na direção dos meus colegas de trabalho. Yorkie correu para mim com um olhar desconfortável em seu rosto.

"O que está acontecendo?" Eu perguntei timidamente.

"Você precisa vir comigo agora!" Ele estava frenético e eu não tinha escolha a não ser o seguir.

Quando entramos no restaurante, vi um corpo no chão com uma poça de sangue ao lado dele. Antes que eu pudesse perguntar Yorkie o que diabos tinha acontecido eu ouvi alguém atrás de mim gritando meu nome.

Eu me virei para ver Tanya em histeria coberta de sangue.


A cena deles no banheiro: OMG! Finalmente eles chegaram nos finalmentes rsrs' Os amigos implicando com eles haha era de se esperar... agora esse final, o que será que aconteceu com a Tanya? Bateu uma dó agora :s

Posto o próximo semana que vem

Beijos

xx