Disclaimer: Sailor Moon não me pertence, pertence a Naoko Takeuchi

A filha perdida

Neo Queen Serenity não poderia estar mais feliz, todas as ameaças foram vencidas e sua família estava toda unida em seu belo Império do Cristal de Prata. Ou pelo menos era isso que ela tentava se convencer a pensar.

Enquanto ainda era a jovem Serena Tsukino, logo após seu casamento com Darien Chiba, havia sentido o nascimento de uma nova estrela em seu ventre, na época pensaram ser Rini, porém no dia do nascimento...

Serena estava radiante. O parto havia ocorrido normalmente e agora queria ver sua filha. Tinha apenas 18 anos e somente dali séculos assumiria o trono da Tokyo de Cristal, na qual Rini havia voltada a pouco tempo. Darien entrou no quarto com seus olhos azuis mais belos do que ela já havia visto, mas ainda mais belo que olhos era a sua expressão olhando para o pequeno embrulho em seus braços, ele se aproximou e o entregou nos braços da jovem mãe.

Sua filha era belíssima, parecia ser a perfeita combinação entre suas feições delicadas de princesa com as de seu marido. Porém ela esperava os cabelos rosa daquela garotinha que a pouco havia voltado ao seu tempo. Seus cabelos eram de um roxo claro, assim como seus delicados olhos. Ela não era Rini, seu nome seria Sakura. O engraçado era que só ela e Darien conseguiam vê-la dessa maneira, as meninas estavam indiscutivelmente felizes, porém pareciam não ver beleza alguma na recém-nascida.

- Ela não se parece com Rini! - disse Ami tentando tirar o cômico da cena de Mina revirando o bebê procurando algo de 'belo' como Serena havia descrito.

-É uma recém nascida, não encontraremos nada que não pareça em joelho na cara dela! - disse Rei, já sendo surpreendida pelas expressões, ao mesmo tempo, confusas e enfurecidas.

-Rei...Que inveja dessas cabelos - disse Mina, finalmente achando o 'belo'.

-Definitivamente não é Rini, nem sequer está chorando - Começou a rir Lita que contagiou a todos.

Depois de todas terem pego Sakura no colo, as meninas deixaram o quarto, depois de terem ouvido a Enfermeira reclamar muitas vezes sobre o horário de visitas.

Darien havia saído do quarto para tomar um café deixando as meninas mais confortáveis. Agora tinha voltado, pela primeira vez sentiu um amor estranhamente grande por algo que mal conhecia. A única coisa que entendia era que queria protegê-la de todo mal, e estar a todo momento ao seu lado e de Serena

-Meu amor, ela é linda... - Disse Darien ainda um pouco sem folego.

-Oh Darien...estou tão feliz, o que você acha do nome Sakura? - Disse a mãe, mal conseguindo esconder a felicidade.

Nota de Autora

Essa é a minha primeira Fic. Estou com medo de como vai ficar!Por favor deixem uma Review, é tudo o que eu peço!