Uma fanfic Naruto

Classificação etária: M

Não contém spoilers/ UA

Shipper: Sasuke & Sakura

Gênero: Romance/Humor/outros

Disclaimer: O Naruto não é meu.

Autora: KrAzI JaY

Tradutora: K. Hime.

Do original de mesmo título.

Sinopse: Todos os casais de Konoha recebem uma ordem de frequentarem à terapia de casais. Será que Sasuke irá seguir o 'conselho' do psicólogo? E como diabos eles vão sobreviver a um mês inteiro fazendo essa droga? !


.

.

Anteriormente...

Toc toc

O Uchiha ficou irritado e afastou-se do pescoço de Sakura que apenas o continou beijando avidamente.

- O quê? - o shinobi apenas sussurrou.

- Sakura, Sasuke, vocês não estão fazendo o que eu acho que estão fazendo, certo? - A voz de Dr. Hikari soou do outro lado da porta, fazendo com que Sasuke soltasse uma enxurrada de maldições.

- N-não, não doutor, é claro que não! Estamos apenas... conversando! - Sakura gritou de volta, dando ao moço um soco leve no ombro quando Sasuke simplesmente recomeçou a beija-la como se não houvesse amanha.

- Bem, vou ter que pedir a vocês dois para que saiam já dai. - soou sua voz novamente.

- Merda. - Sasuke murmurou, afastando-se da moça.

- Eu juro, Dr, não estamos fazendo nada de mal! - Sakura gritou novamente, ficando irritada.

- Bem, suponho que terei de dizer a Hokage que vocês dois não conseguiram cumprir as recomendações médicas e quem sabe que tipo de castigo ela teŕa em mente... - Aquele maldito...

- Esse filho de uma -

- Doutor, ok, estamos saindo em um minuto, então! - A voz irritada de Sakura cortou a de Sasuke.

- Como alguém pode ter tanto controle sobre o que diabos vamos ou não fazer? - Sasuke resmungou com raiva.

- Eu não gosto disso, mas não podemos arriscar o meu nem o seu trabalho. - Sakura racionalizou, rapidamente abotoando a propria blusa, enquanto Sasuke abotoava as calças.

Sakura rapidamente arrumou o cabelo e deu os ultimos retoques na aparência de Sasuke, ganhando uma careta feia do mesmo.

- Hn. - Disse rapidamente e deu-lhe um último beijo nos lábios, ganhando um risinho da moça, que o fez sorrir de canto.

- Ahã! - Dr. Hikari tossiu do outro lado.

- ESTAMOS INDO! Droga! - Sakura gritou ao abrir a porta e passar pelo médico.

Bem, talvez esses dois realmente estivessem fazendo progresso... certo?

.

.

.


The Longest Month Ever

O mês mais longo de todos

Capítulo V


Sakura sorriu para si mesma ao deitar-se na imensa cama de casal Uchiha, sozinha ... completamente sozinha ... de novo.

Sasuke finalmente disse as três palavras que ela quis ouvir por quase toda sua vida, naquela sexta-feira passada, no banheiro feminino do consultorio do Dr. Hikari.

Mesmo que fosse, em parte, por culpa do médico, Sakura ainda tinha aquela sensação de que algo não estava certo nisso tudo. Por que diabos não havia mais ninguém na Vila fazendo o mesmo tipo de ... "terapia" que ela e Sasuke? Para ela aquilo soava mais como um castigo. Toda aquela droga a estava deixando louca!

- Pobre Sasu-kun ... deve estar ficando louco! - pensou com uma risadinha leve. Mesmo que tivesse dito que a amava, ambos ainda brigavam como cão e gato! E aquilo era estressante pra caramba! Sakura soltou outro suspiro de frustração, rolando para o lado da cama, aquele pedaço de colchão tão familiar que pertencia somente a ele.

Inspirou profundamente, enchendo os pulmoes com cheiro do travesseiro dele.

O cheiro masculino ainda estava fresco.

Sakura soltou outra risada, mais alto desta vez.

Sim ... ela estava ficando louca.

.

.


Sasuke suspirou ao mover-se mais uma vez naquele sofá desconfortável.

Sua carranca aprofundou, eles realmente precisavam comprar móveis mais confortáveis depois que tudo isso acabasse.

Fitou o relógio pendurado na parede e vira que já era uma da manhã.

Suspirou novamente, ele precisava dormir.

Fechou os olhos e ouviu umas risadinhas vindo lá de cima, fazendo-o abri-los novamente.

Que diabos? Ela não parava de rir!

Era óbvio que sua namorada estava ficando louca.


Toc Toc!


Sasuke gemeu em seu sono e rolou para o lado, não se importando com quem estava à porta nesse momento.


Toc toc!


Sakura soltou uma maldição em voz alta, ela estava muito cansada.


TocTocTocTocTocTocTocTocTocT ocTocTocTocTocTocTocTocTocTo cToc-


- O QUÊ? -A kunoichi berrou quase arrancando a porta da frente com dobradiças de tudo mais.

Sasuke sentou-se, ainda cansado, no sofa, imaginando como diabos ela havia chegado ali embaixo tão rápido.

- Itai! Sakura-chan! - Naruto gritou, esfregando a cabeça com a dor que sentira.

Sasuke aproximou-se preguiçosamente por trás de Sakura.

- Que diabos você quer, dobe?

- É isso ai! É nosso dia de folga e são seis da manhã, droga! - Sakura amaldiçoou.

- Bem, vocês certamente não sao do tipo matutinos, hein! - Naruto resmungou e se levantou rapidamente, Sakura e Sasuke simplesmente o fitaram em resposta.

- Er ... de todo modo, Tsunade-obaa-chan disse pra vocês irem pro escritório dela imediatamente!

- Huh? Por quê? - Sakura perguntou, agora um pouco mais calma e acordada.

- Como diabos vou saber! Ela só me disse pra buscar vocês e a Hinata-chan!

- Isso é estranho ... esse é meu dia de folga também! - Sakura gemeu.

- Hn. - Sasuke simplesmente grunhiu.

.

.

.


No escritório da Hokage


Naruto, Hinata, Sakura e Sasuke jaziam esperando do lado de fora do escritório da Hokage.

O que era estranho, porque Naruto continuava sussurrando algo no ouvido de Hinata, fazendo-a corar e depois rir.

Sakura observava tudo do outro lado da sala, com um sorriso nos labios.

E olhou para o namorado que estava encostado na parede preguiçosamente.

- Por que você não consegue fazer isso? - sussurrou, dando ao Uchiha uma cotovelada nas costelas.

Sasuke fitou Naruto e Hinata, notando como o loiro sussurrava algo em seu ouvido, fazendo-a rir mais uma vez. E Sakura não parava de murmurar reclamações para si o tempo todo.

- Que tal parar de reclamar …? - sussurrou-lhe. O rosto de Sakura corou de raiva e ela lhe deu um soco - não tão suave - no braço masculino, fazendo-o quase tremer de dor.

- Você é um cretino. - resmungou, ganhando um 'Hn' de seu namorado.

- Sabe, você realmente deveria aprender umas outras palavras. - Rosnou.

- Aa.

Sakura enviou-lhe uma carranca feia.


Depois do que pareceu uma eternidade, Tsunade finalmente passou pela porta ... sua expressão cansada, como de costume.

- Ok, tenho certeza que estão se perguntando por que estão reunidos aqui. - A loira disse ao sentar-se à mesa cheia de papéis.

- Che, sim, especialmente no meu dia de folga. - Sua pupila murmurou para si mesma. E todos na sala a fitaram.

- E-eu disse isso em voz alta, não foi? Er heh ... gomen, tem sido uma semana difícil. - Todo mundo a fitou novamente. - Aham ... por razões que não posso falar, é claro.

- Certo. De qualquer maneira. - A Hokage continuou. - Os chamei aqui hoje devido a uma situação de emergência, uma missão ranking S.

- SIM! - Naruto vibrou, lançando um punho no ar, e consequentemente um soco na cabeça vindo de Tsunade.

- Eu não terminei! Esta missão é muito importante. Vocês vão viajar para o país da Névoa para coletar dois pergaminhos, os quais suspeitamos ser planos do inimigo, não sabemos ao certo, mas precisamos encontrá-los. Pois poderiam ser algo contra Konoha. Você, Sakura e Hinata serão essenciais nesta missão.

- Por quê? - Sakura perguntou. Sasuke apenas fitou Tsunade.

- Bem, os dois pergaminhos são vigiados por dois homens, ambos criminosos ranking S da Névoa. Seus nomes são Shin e Haru.

- O-o que quer que façamos, H-hokage-sama? - Hinata perguntou baixinho.

- Vocês duas irão desfarçadas de prostitutas.

- O QUÊ?! - Naruto e Sasuke surpreendentemente gritaram juntos.

- N-nani? - Hinata gaguejou.

- T-Tsuande-sama! - Sakura exclamou.

- Eu não vou deixar minha Hinata-chan se vestir como uma prostituta! - gritou o loiro.

- Naruto, cale-se! Isso é para a missão ser bem sucedida! Soubemos que Shin e Haru são assiduos frequentadores de casas noturnas e bordeis... logo, essa será a oportunidade perfeita para começar a busca dos pergaminhos. Enfim, tudo o que vocês duas precisam fazer é deixá-los bêbados, flertar um pouquinho e surrupiar informações deles. E, então, assasiná-los. - Tsunade disse tão naturalmente, como se aquilo não fosse nada.

- Isso é realmente necessário? - Sasuke perguntou em um tom irritado.

- Sim. Agora eu quero que tenham cuidado nessa missão, estes dois shinobi não devem ser subestimados. - Todos assentiram e pegaram dois rolinhos das mãos da loira.

- Leia-os. Vocês saem amanhã de manhã. Dispensados.

.


.

Naruto saiu com Hinata, murmurando maldições sobre aquilo tudo, morrendo só de pensar em outros homens tocando sua Hinata-chan.

Sakura soltou um suspiro, seguindo Sasuke para fora do escritório de Tsunade. - Isso é tão estúpido! Eu não posso acreditar que vou ter que me vestir como uma prostituta! - disse para si mesma.

- Hn. Não seria a primeira vez que se vestiria assim. - Sasuke disse em uma voz fria, sorrindo de canto. Um vermelho profundo pintou suas bochechas femininas à lembrança do dia em que se vestira de enfermeira sexy para realizar uma das fantasias do namorado.

- Sasuke! - sibilou, ganhando outro sorriso de canto.

No entanto, somente a idéia de outros homens quererem tocar sua Sakura não o fazia nada feliz.

- Oh Droga! - A voz da kunoichi o trouxe de seus pensamentos. - Esqueci de perguntar a Tsunade-sama! Isto significa que não teremos mais essas sessões estupidas de terapia com o Dr. Hikari pelos proximos dias, certo? - Sakura perguntou a si mesma.

- É o que parece. - Sasuke murmurou, ele estava prestes a matar aquele médico maldito.

- Graças a Deus! Sem Dr Hikari por uma semana inteirinha! - Sakura cantarolou alegremente.

Sasuke sorriu de canto... sim, sem Dr Hikari ... por uma semana ...

Hmmm.

O Uchiha e seus pensamentos sujos!

.

.


Na manhã seguinte


Sakura e Sasuke levantaram bem cedo, prontos para encontrar Naruto e Hinata no portão principal de Konoha.

Sakura sorriu para si mesma, caminhando ao lado de Sasuke pelas ruas vazias da Vila.

Ela estava realmente muito feliz com esta missão, bem, exceto pela parte de fingir ser uma prostituta.

Mas o lado bom nisso tudo era que ficaria livre do Dr Hikari por uma semana inteira!

...

Finalmente encontraram Naruto e Hinata ao portão da Vila com ... mais alguém?

Sakura estreitou os olhos aquilo, queria saber quem era a terceira figura ao longe.

Será que Tsunade enviaria mais alguém em missão com eles?

- Oh não. - Sasuke resmungou raivoso.

Os orbes verdes arregalaram.

NÃOOOOOOOOOOOO! Inner Sakura gritou estridente no fundo de sua mente.

- Ei pessoal! Adivinhem so quem foi enviado pra vir junto com a gente! - Naruto disse alegre enquanto Hinata sorria.

- Olá, Sasuke, Sakura. - Dr. Hikari cumprimentou-os com um sorriso.

. Continua .


N/T:

Ah galera, como eu acabei nao postando nada Naruto ontem, resolvi trazer 3 posts pra gente hoje ;D

E cara, eu to gostando do Up de leitores que tivemos em BTS, gente, arigatou por "passear". Serio, motiva bastante :)

..

Mas e o cpt de hoje, o que acharam?

Ah cara, na boa, se eu tivesse um Dr hikari na minha vida, sei nao, acho que o estrangularia *BATE*

Ok, personas, digam pra hime: Estao curtindo a fic?

Deixem um recadinho ;D

...

bombons, tia hime vai indo agora,

nos vemos essa semana ainda e a prox att sera de My pretend boyfriend ;D

Bjitos,

Hime :)


ps:

certo, personas, eu nao respondi os ultimos contatos ainda. Surgiram umas... complicacoes e tive que me dedicar um pouco mais a "vida real", entao ficou tenso...

Mas eu to me divertindo tanto com os coments de voces, serio, eles me fazem vir aqui e postar com gosto :)

Arigatou :))