Everything but you

Eu posso perder tudo, menos você, Kijima.

.

Fei havia sentido a dor de ter seu irmão morto na frente de seus próprios olhos. A esperança de tê-lo de volta fora destruída em um piscar de olhos por um maldito humano que já devia estar morto há anos.

Seu único irmão.

Ela mal teve tempo de pensar, de chorar, de se lamentar, pois logo era ela que estava nas mãos de Kenmi, do assassino, que havia trazido tanta dor para ela.

E Fei não podia se defender. Era fraca demais, pequena demais. Ela era como uma humana, apesar de não sê-lo realmente.

Ser inútil doía. Perder seu irmão doía. As lembranças dos tempos em que experiências eram feitas em seu corpo doíam.

Ela achou que fosse a pior dor que poderia sentir.

Não foi.

Kijima tentava desesperadamente salvá-la. Ela sabia que era importante para ele, mas nunca imaginou que fosse tanto.

Mesmo que os dois morassem juntos, eram mais como companheiros. Um ajudava o outro. Um compreendia a dor do outro.

Nenhum dos dois era humano.

Mas no fim, não era só isso. Ela percebeu que não era só isso quando ele gritou o nome dela quando ela estava prestes a morrer, sendo salva por Tandouji no último segundo.

E percebeu ainda mais quando viu Kijima ser pego por Kenmi, gritando de dor, e por fim, caindo.

Ela gritou seu nome, mas ele não respondeu. Ela continuou gritando, e não houve nenhuma resposta.

E foi quando ela percebeu outra coisa.

- Eu posso perder tudo... Menos você, Kijima. – O sussurro foi levado pelo vento antes que alguém pudesse escutar.

E foi por causa disso que, pela primeira vez, ela cedeu aos poderes que tinha desde que havia nascido.

Ela não se importou quando a armadura envolveu seu corpo. Não se importou quando o desejo de tudo explodir apoderou-se de si.

Ela não se importava com si mesma ou com o mundo. Ela só queria que Kijima estivesse bem.

Que tudo fosse para o quinto dos infernos, se ele pudesse abrir os olhos e respirar.

Contanto que ele estivesse vivo, tudo estava bem.

E foi então que Fei, ao mesmo tempo em que escutava Kijima gritar seu nome, percebeu a última coisa, e sorriu, dentro da armadura.

Ela o amava. E exatamente por amá-lo que ela sempre o protegeria, dali pra frente, mesmo que os poderes dela saíssem do controle.

Contanto que ele estivesse bem, o mundo inteiro poderia ser destruído.

Fei poderia perder tudo, menos ele.

.

.

.

Estou postando essa fanfic ciente de que provavelmente ninguém vai lê-la, já que esse fandom é bem desconhecido. De qualquer forma, eu precisava escrever uma fanfic sobre esse casalzinho super fofo que conseguiu me conquistar. Eu não gostei muito de Sacred Seven, mas amei eles dois, nhac. A fanfic foi fofamente baseada no último episódio de Sacred Seven! Assistam, é fofo. sz

31/08/12

Maah. Sakura Chinchila