Uma Fanfic SasuSaku

Classificação etária: K+

Não contém spoilers

Gênero: Romance/Humor

Disclamer: O Naruto não é meu.

Autora: Ohwhatsherface (fanfic autorizada desde 2010)

Tradutora: K hime

Sinopse: É a perseguição, não é? A emoção da perseguição. Você está entediado. Seu irmão está morto e agora você não tem ninguém para perseguir, então está me perseguindo. Certo? Eu estou certa, não estou? É a maldita perseguição, certo? Bem, va se ferrar, Sasuke!


A maldita arte de amar *

É a perseguição, não é? A emoção da perseguição. Você está entediado. Seu irmão está morto e agora você não tem ninguém para perseguir, você está me perseguindo. Certo? Eu estou certa, não estou? É a perseguição. Bem va se ferrar, Sasuke!


...

Ele estava entediado.

Sim.

Sakura acenou com a cabeça numa declaração interior.

Sasuke estava entediado.

Ela bufou.

Por que mais iria estar flertando com ela?

Ele sorriu daquele seu jeito incrível e ela lutou para não deixar que seus joelhos virassem geleia.

Oh deus.

Mas ok!

Ele estava entediado.

Itachi estava morto e agora ele não tinha mais nada para fazer.

Sasuke estava entediado.

E agora estava tentando se divertir.

Com a emoção da perseguição.

Ugh.

Algo em si se contorceu.

Isso era tao tipico de homens.

Sakura engoliu em seco ao lentamente tentar se recompor.

E colocou a mão no peito de Sasuke e o empurrou.

- Você está um pouco perto demais , Sasuke - Praticamente rosnou.

E aquilo estava começando a ficar desconfortável, ser pressionada contra a parede com Sasuke lhe fitando de soslaio com um brilho ardente em seus olhos.

- Ah, mas eu não acho que estou perto o suficiente.

Inner Sakura quis gritar incessantemente.

Sakura mordeu o lábio inferior ao sentir o sangue correndo rapido em seu rosto.

Era isso.

Ja chega.

Como ele se atreve?!

Como se atreve a flertar consigo dessa forma e chama-la para sair e ficar esse tempo todo por perto e-

- É a perseguição, não é?

Sasuke parou de flertar e arqueou uma sobrancelha.

- O que?

Sakura cutucou o peito masculino.

- A emoção da perseguição. Fala sério. - E assentiu com a cabeça em determinação. - Cara! A única razão por você estar assim, todo em cima de mim, é porque você, Sasuke, está entediado, e precisa de algo para perseguir. Passou os últimos oito anos de sua vida perseguindo seu irmão, perseguição é algo ao qual está tão acostumado e agora que ele está morto, você precisa de algo novo para perseguir! Fiquei me perguntando por que diabos iria me chamar pra sair quando sabe que eu vou continuar dizendo não. So pode ser isso, você está entediado.

Sakura cutucou-o novamente.

- É a emoção da perseguição, certo?

Cutucoou-o novamente, dessa vez mais forte.

- Estou certa, não estou?

Uma pausa.

Sasuke franziu os lábios por um momento, pensativo, antes de dar-lhe um pequeno encolher de ombros-

- Bem ...

E seu sorriso tornou a ficar sexy.

- … É divertido, não é?

Sakura gritou e tornou a cutuca-lo novamente. Agora, com punhos cerrados.

- UGH! - gritou, batendo forte. - Você é um cretino, seu maldito-

Seu sorriso desapareceu e Sasuke olhou para a menina se debatendo, com uma expressão completamente séria.

- Não é a perseguição.

Sakura fez uma pausa para olhar para ele.

Era difícil não se perder em seus olhos de onix, mas Sakura conseguiu resistir ao desejo de soltar um suspiro sonhador.

- Mm ...?

- Não é a perseguição, - Sasuke repetiu. E apertou seus pulsos ligeiramente. - É ... por causa de seus punhos minúsculos, ineficazes.

Sakura sentiu-se bastante ofendida.

- Meus punhos não são ineficazes

- Eles são quando você não está lutando, - corrigiu. E examinou-a e Sakura lutou para não se contorcer. - E é o seu cabelo.

Sua boca abriu uma fração segundo mas ele falou primeiro.

- Ele cheira bem,- continuou. - Como… uma espécie de flor ...

- Lavanda, - Sakura sussurrou.

Sasuke soltou-lhe os pulsos e os braços femininos caíram para ambos os lados.

- E seus olhos.

Ela arqueou uma sobrancelha, seu corpo agora relaxado.

- Os meus olhos?

Sasuke assentiu, aproximando-se.

- Eles são muito ... - E franziu a testa, pensativo por um momento ate achar a palavra certa. - Eles são ... claros. E tão expressivos. E brilhantes. ... E refletem tudo.

Sakura sentiu o calor de sua respiração pairar em seu rosto.

Ela fechou os olhos e se deleitou com a sensacao correndo em suas veias.

- Você vai me beijar agora? - sussurrou.

Seus lábios se curvaram-se com a sensação de polegar masuclino traçando uma caricia por baixo de seu queixo, inclinando-lhe a cabeça para cima.

- Sim, então cale a boca.

E quando ele pressionou seus lábios contra os dela, Sakura decidiu que perseguição não era tão ruim assim.

...

Eles se afastaram lentamente, não querendo exatamente parar.

Sakura sorriu levemente antes de recuar.

- Eu ainda não vou sair com você.

Ele sorriu de canto.

- Você diz isso agora.

.


N/T:

Meninas, que saudade das senhoritas!

Nossa, parece uma eternidade desde a ultima vez que estive aqui. Gente, senti falta disso aqui... muita falta...

Bom, lindonas, pra matar as saudades, aqui vai um mini-combo sasusaku pra voces ;D

Ainda tem mais 2 pra hoje (e um montao de att pra essa semana ;)

..

Meninas, bjito e nos vemos loguinho :)