Comandos

Drumknott sabia que o Patrício tinha o habito de dar ordens, era parte de seu trabalho afinal, mas geralmente falava de uma maneira tão sutil, manipulando o seu interlocutor com cada sentença, ao ponto que muitas vezes nem se percebia que era isso que ele estava fazendo, mas ali em sua cama toda aquela eloquência geralmente usada para formar as mais articuladas e inteligentes frases agora quando o patrício de encontrava em sua cama era usada apenas para lhe dar os mais simples comandos, mais perto e mais forte. Drumknott secretamente se sentia muito orgulhoso disso, de conseguir deixar Vetinari naquele estado.

Ele experimentou chamá-lo de Havelock algumas vezes, mas a palavra soava estranha em sua boca, ele era Vetinari e ponto, embora Drumknott conseguisse, na maioria das vezes pelo menos, se lembrar de tirar o Lorde da frente do nome antes de começar a dizê-lo de novo e de novo conforme os dedos longos e hábeis do patrício exploravam seu corpo.

O Patrício tinha o habito de dar ordens, e o seu secretário com prazer sempre as executava.

Obrigada por ler, reviews são sempre apreciadas.