Escolhas do Inverno

No fim ela acaba se casando com um rei Baratheon, era quase engraçado realmente, embora Sansa duvidasse que Stannis percebesse isso.

Nos últimos anos muitas lagrimas vieram aos seus olhos por causa de pensamentos sobre seu casamento, e não lagrimas de felicidade, pensava no que teria que sofrer caso o seu noivado com Joffrey tivesse continuado, o que não teve a chance de ter com Willas Tyrell, o que teve com Tyrion Lannister.

Ela não o amava realmente, e não guardava muitas esperanças que Stannis sentisse algo diferente, mas isso parecia irrelevante agora quando o destino de seu povo era afetado por suas escolhas. Ela era amada pelo norte, mas ele já tinha o seu respeito, ele tinh lutado por eles para consegui-lo. Ele não era cheio de sorrisos ou belas palavras, mas ele era gentil com ela, sério e respeitoso. Jon havia dito que ele era um bom homem, justo e honesto como o pai dela, como o pai deles.

Dessa vez ela não chora, não a motivo para fazer isso, dessa vez não é uma imposição, ela não é mais um peão no grande tabuleiro cósmico, dessa vez é uma escolha dela. E não foi uma escolha de uma menina que queria um grande amor como nas canções, mas sim uma escolha da Rainha do Norte que encontrou um homem digno de ser seu rei.

Obrigada por ler, reviews são sempre apreciadas.